Luta pela segurança leva Divaldo Lara à Casa Civil em Porto Alegre

PTB Notícias 19/02/2016, 11:40


Preocupado com a segurança do município de Bagé (RS), o presidente do Legislativo, Divaldo Lara (PTB) esteve nesta semana em audiência com a Chefe de Gabinete da Secretaria da Casa Civil, Cristiane Ferreira Lohmann em Porto Alegre.

Durante a reunião, Divaldo argumenta sobre a carência de policiais na região e sobre os concursos realizados em 2014 para Brigada Militar e Polícia Civil.

Segundo Lohmann, o Governo do Estado pretende contratar 1.

500 aprovados no concurso da Brigada Militar e outros 500 da Polícia Civil entre os meses de maio e junho.

Em fevereiro de 2015, os vereadores Divaldo Lara e Geraldo Saliba realizaram audiência pública reunindo cerca de 40 aprovados, que reivindicaram pelo chamamento por parte do Governo do Estado, para ocuparem as 1600 vagas propostas no concurso para policiamento (QPM1) e outras 400 para bombeiros (QPM2).

Segundo os concursados, a aprovação teria gerado pedidos de demissões em decorrência da previsão do chamamento nos primeiros meses de 2015, além do custo desembolsado para cumprirem as 4 fases propostas no edital entre exames, viagens, alimentação e preparo.

Para alguns, em decorrência da idade, esta é a ultima oportunidade de ser chamado e por estas razões lutam para garantir as vagas.

No ano anterior (2014), Divaldo Lara também mobilizou-se para a contratação dos aprovados no Concurso da Polícia Civil do RS, protocolando moção de apoio em benefício da segurança.

A campanha intitulada “ACADEPOL PARA TODOS JÁ!”, requisitava ao Governo do Estado para que houvesse aproveitamento imediato dos 1100 aprovados no Concurso da Polícia Civil do RS.

Em junho de 2015, o Presidente da Câmara também conversou com o vice-governador José Cairoli sobre os dois concursos, no sentido de buscar respostas para as contratações.

“Estamos com carência no efetivo de Bagé e da nossa região, isso aumenta a violência e os inúmeros casos expostos nos jornais todos os dias.

Além da contratação destes profissionais que já estão aprovados nos concursos, considero importante que a formação seja realizada em Bagé para que o efetivo permaneça no município, após o treinamento”, ressalta Divaldo Lara.

Agência Trabalhista de Notícias (LL), com informações da assessoria do Vereador Divaldo Lara (PTB-Bagé/RS)Foto: Divulgação/Assessoria