Manaus terá quatro laboratórios para complementar rede básica de saúde

PTB Notícias 13/05/2011, 11:12


A Prefeitura Municipal de Manaus vai implantar quatro laboratórios clínicos, cada um em uma zona da cidade.

O anúncio foi feito pelo prefeito Amazonino Mendes (PTB-AM) ao inaugurar a terceira Unidade Básica de Saúde (UBS) no bairro de Nossa Senhora de Fátima.

Segundo o prefeito, os laboratórios vão complementar a rede básica de saúde atualmente em processo de reestruturação a partir da reforma e ampliação das Casas de Saúde da Família como são conhecidas as Unidades Básicas de Saúde.

Como nas demais, a nova UBSF terá a capacidade de atender cinco mil usuários/mês com serviços de clínica médica e odontologia.

Além da UBSF, o prefeito reinaugurou a Escola Municipal São Benedito no bairro Cidade de Deus.

“É uma mudança fantástica”, afirmou o prefeito ao inspecionar as dependências da nova UBS com 130 metros quadrados, contra os 30 metros da antiga Casa de Saúde da Família que funcionava no local, acompanhado do secretário municipal de Saúde, Francisco Deodato.

O prefeito aproveitou a inauguração para parabenizar os enfermeiros pela passagem do seu dia.

“É uma categoria tão importante para todos nós.

São eles que estão na ponta atendendo a população”, disse.

Para Amazonino Mendes nenhum programa de saúde pública pode funcionar sem uma estrutura física que atenda os usuários e os profissionais de saúde envolvidos no programa.

“Executar o médico da família é difícil.

Se não fizer o melhor ele não funciona mesmo!” declarou ao fazer o comparativo do programa antes de assumir a Prefeitura e como está sendo implementado em sua administração.

Segundo o prefeito, com a instalação de um laboratório nas zonas Norte, Sul, Leste e Oeste, a Prefeitura Municipal de Manaus fecha o ciclo de reestruturação ao atendimento básico à saúde na cidade.

Os laboratórios vão atender as demandas das Unidades Básicas de Saúde.

Com eles a população terá um serviço rápido de exames básicos laboratoriais.

CampanhaNa Escola Municipal São Benedito, o prefeito pregou a necessidade de uma maior valorização e respeito para com o professor.

Ele pretende desenvolver uma campanha institucional por ele denominada “Ame o Professor”.

O objetivo é conscientizar estudantes, seus pais e a comunidade no respeito e valorização aos professores.

“O professor é a extensão familiar do aluno.

É ele que prepara o adulto do amanhã”, comentou.

A escola foi fundada em 1996 funcionando inicialmente na Igreja de São Benedito.

No ano seguinte, 1997, mudou para sua sede definitiva.

Hoje a escola segundo o secretário municipal Mauro Lippi, atende a 944 alunos do ensino fundamental em três turnos.

Ela era uma das 300 escolas em estado precário.

O secretário destacou ainda que os investimentos em Educaçào para este ano estão na casa de R$ 100 milhões.

Passou por uma reforma e ontem mesmo recebeu outra novidade: o início das atividades das duas clínicas móveis que irão prestar assistência médica-laboratorial e odontológica aos estudantes.

“Nosso cuidado não é só com a educação das nossas crianças.

É também cuidar da saúde”, assinalou.

Ao reinaugurar a escola, o prefeito Amazonino Mendes lembrou que ela é uma das 223 escolas reformadas e recuperadas em sua administração iniciada em 2009.

Ao término de sua fala, o prefeito fez questão que dois alunos, Ezequiel Lavor, 10 anos, e Luan Yfagakya, 9 anos, descerrassem a placa comemorativa da reinauguração.

Após a solenidade, o prefeito participou de uma reunião-almoço com os lojistas e dirigentes do Clube dos Diretores Lojistas no bairro de Flores.

Agência Trabalhista de Notícias, (IS) com Informações da Prefeitura de Manaus