Manoel Ribeiro faz críticas ao Ministério dos Transportes e a Infraero

PTB Notícias 26/10/2011, 17:14


Nesta quarta-feira (26/10/2011) o deputado estadual Manoel Ribeiro, do PTB do Maranhão, fez duras críticas à forma como o Ministério dos Transportes vem conduzindo o processo de duplicação da BR-135, no trecho que compreende o Campo de Perizes ao município de Bacabeira.

O petebista, que é líder do governo, também reiterou as críticas feitas semana passada à Infraero, que administra o aeroporto Cunha Machado.

Bastante irritado com o desfecho da recente visita do ministro Paulo Passos ao estado, quando tentou explicar as razões para o cancelamento da licitação da obra.

“Vamos convocar esta Casa, interditar essa estrada e mostrar para esses cafajestes lá de fora que no Maranhão tem pessoas de bem e nós queremos evitar a morte dos nossos conterrâneos”, reclamou o parlamentar.

A insatisfação de Ribeiro é tamanha que ele chegou a fazer um convite inusitado ao ministro, para que junto a sua família, assim como a direção nacional do Dnit (Departamento Nacional de Infra-Estrutura de Transportes), para que visitassem o trecho da BR-135, que ele mesmo batizou de ‘rodovia da morte’.

“Eu não iria guiando, porque não iria expor minha vida, mas alugaria uma van dessas aí com esses motoristas irresponsáveis para que levassem, onde tem tirado milhares de vidas de maranhenses”, disse.

O deputado também disse que as explicações dadas pelo ministro não foram suficientes e apontou uma intenção oculta no cancelamento da licitação.

“Eles vieram para o Maranhão mentir.

Anularam uma concorrência, disseram que tinha falha na concorrência, que não tinha perfuração de solo, subsolo, quando tinha anexo, eles que tiraram para poder ficar com o dinheiro das emendas, este que é o fato”, argumentou.

Da mesma forma em que duramente criticou o Dnit e o Ministério dos Transportes, o Manoel Ribeiro voltou a repreender a direção da Infraero, responsável por administrar o aeroporto de São Luís: “Não retirarei uma só palavra ou vírgula do que estou dizendo, porque quando chamei os dirigentes da Infraero de corja, continuo dizendo, é uma corja que ali está.

E a prova, que Ministério Público Federal já está investigando que há irregularidade naquele Aeroporto, na obra daquele Aeroporto.

Então, senhores, aguardem que chumbo grosso virá”.

Ainda sobre o assunto, Ribeiro reclamou a forma como a capital e o estado têm sido tratados, principalmente nos pleitos relativos a melhorias na Infraestrutura.

“O aeroporto de Goiânia e o de Salvador já estão todos prontos e o de São Luís não está pronto.

As duplicações do Ceará, quando seu Cid Gomes foi para a televisão, para a imprensa chiar, não aceitar, eles já recuperaram.

E eu disse uma vez que eu acho que a presidente Dilma Rousseff não estava satisfeita com os oitenta e tantos por cento dos votos que teve aqui no Maranhão.

Alguns deputados do PT acharam que eu estava exagerando.

Eu continuo achando que ela não está satisfeita com os votos dos maranhenses.

Mas ela virá à reeleição e nós saberemos dar o troco”, finalizou.

Agência Trabalhista de Notícias (FM), com informações da Assembleia Legislativa do MaranhãoFoto: Assembleia Legislativa do Maranhão