Maravilha (SC) realiza entrega do primeiro plano de esgotamento sanitário

PTB Notícias 14/07/2011, 7:57


Aconteceu na tarde da última terça-feira (12/07) a entrega do primeiro plano de esgotamento sanitário de Maravilha (SC), cidade administrada por Orli Berger (PTB).

O projeto foi desenvolvido pela empresa PROSUL por intermédio da CASAN – Companhia de Saneamento Básico de Santa Catarina.

A entrega do projeto atende a um pedido do Poder Executivo municipal que há vários meses cobra soluções da CASAN para o problema de Maravilha.

Após o Município tomar posição e exigir que a companhia providenciasse a solução, foi encaminhada a confecção do projeto.

Conforme parecer emitido pelo Procurador Geral do Município de Maravilha, Rogério de Lemes, a responsabilidade pelo esgoto sanitário é da CASAN, conforme está previsto no termo de convênio.

Com o projeto em mãos, o Município pode buscar recursos junto ao Governo Federal para execução das obras.

A diretora de Projetos Valquíria Pasini e a Arquiteta Aline Gasperin, concluíram no dia 12 de julho o cadastramento e envio da Carta Consulta no PAC 2 Sistema de Esgotamento Sanitário no site da FUNASA o prazo para incluir as cartas consultas é até esta sexta-feira(15).

Foram cadastradas 2 cartas consultas para Esgotamento Sanitário uma no valor aproximado de R$ 21.

000.

000,00 (vinte e um milhões) para a primeira etapa e outra no valor aproximado de R$ 12.

000,00(doze milhões) para a segunda etapa.

O projeto busca a implementação do sistema de esgotamento sanitário para atender a área urbana através de 4(quatro) sub bacias (D, F, H, I).

Contemplando 1.

787 ligações prediais, aproximadamente 53km de rede coletora, 4(quatro) estações reservatórias e uma estação de tratamento composta por “Sistema STM Aerotor Stahlrematic”, com capacidade para tratar aproximadamente 45l/s.

O lançamento do efluente ocorrerá no Rio Iracema.

O projeto foi feito para atender uma demanda de 90 mil habitantes, o que confere boa margem de segurança para o futuro.

O Município tem ainda protocolado junto à diretoria da CASAN pedido para providências imediatas com relação ao recolhimento do esgoto, principalmente com fossas, já que o problema exige solução ha curto prazo e a obrigação também é da companhia, conforme entendimento do Município.

O pedido ainda aguarda uma resposta da CASAN.

Abastecimento de águaDuas cartas consultas para Sistema de Abastecimento de Água Reservatórios no valor de R$ 203.

000,00 e Captação de R$ 512.

000,00O sistema de abastecimento de água prevê implantação de cisternas para recolhimento da água das chuvas para beneficiar sistema de drenagem pluvial urbana em detrimento dos alagamentos em períodos chuvosos.

Participaram da apresentação do projeto, os representantes da Casan e da empresa Prosul contratada pela estatal para a elaboração do projeto, representantes dos clubes de serviço, da Câmara de Vereadores e do Executivo Municipal.

O prefeito Orli em seu pronunciamento mostrou sua preocupação com o futuro de Maravilha e estamos todos empenhados para buscar as soluções tanto de curto, quanto de longo espaço de tempo.

“Como prefeito dos maravilhenses sinto a obrigação de resolver os problemas imediatos e encaminhar as soluções que demandam de mais tempo”, finalizou o prefeito.

Agência Trabalhista de Notícias (LL) com informações do Portal da Prefeitura de Maravilha (SC)