Marcus Cavalcante diz que proposta de ICMS vai quebrar prefeituras do Acre

Agência Trabalhista de Notícias 9/09/2019, 8:05


Imagem Crédito: Raimundo Afonso/Aleac

Durante pronunciamento na Assembleia Legislativa do Acre, na quarta-feira (4), o deputado Marcus Cavalcante (PTB) falou sobre a nova proposta do governo do Estado referente à divisão da arrecadação do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) entre os municípios. De acordo com a iniciativa, algumas cidades irão receber um percentual menor.

O parlamentar alega que a medida vai prejudicar as ações das prefeituras, que atualmente já trabalham com o mínimo. Disse ainda que a maioria dos deputados tem suas bases no interior e, por isso, precisam ter cuidado ao votarem essa matéria.

“As prefeituras mal conseguem manter o pagamento do funcionalismo e custear outras despesas municipais. Agora, com essa diminuição no repasse, a situação deles vai sair de mal para pior. As prefeituras vão quebrar e algo precisa ser feito para evitar isso”, alertou.

EJA e saúde

Em relação à reunião com o secretário de Estado de Educação, Mauro Sérgio, o petebista parabenizou o gestor por ter atendido prontamente o convite para esclarecer dúvidas acerca da demissão de professores e também sobre o Educação de Jovens e Adultos (EJA).

Quanto aos servidores da saúde que informaram que vão iniciar uma greve na terça-feira (9), Marcus Cavalcante disse que, de fato, há muitas questões a serem melhoradas na área. No entanto, destacou o deputado, o atual governo tem trabalhado arduamente para isso e não será de uma hora para outra que irão conseguir recuperar todos os estragos causados em 20 anos de administração petista.

Com informações da Agência Aleac