Mira Rocha analisa situação de bairros e solicita auxilio do Governo de AL

PTB Notícias 11/08/2011, 10:40


Sensibilizada com a situação de famílias que moram em áreas de ressaca em todos os 16 Municípios do Estado do Amapá, que tem que conviver com a falta de infraestrutura das pontes que dão acesso as casas, a Deputada Estadual Mira Rocha (PTB-AL) solicitou ao governo do Estado uma avaliação real sobre a condição de passarelas.

Para a parlamentar as pontes quebradas oferecem risco constante a quem precisa passar todos os dias pelos locais.

Mira Rocha visitou várias áreas de ressaca e constatou o estado precário das passarelas, a Deputada conversou com moradores que relataram como é viver em área de ponte, “aqui nos temos que contar com a sorte para não cai no lago, os acidentes acontecem quase todo dia, e nossos filhos são os que mais correm riscos por aqui.

” Relatou Maria da Conceição, moradora de uma área de ressaca no bairro Congós.

Mira Rocha também visitou áreas de ressaca no município Santana em bairros como: Distrito do Elesbão, Matapímirim, Nova União, Nova Brasília, Remédios além da área portuária (Baixada do Ambrosio), “Eu estive nesses locais e pude ver como é difícil a trafegabilidade, são passarelas que não oferecem o mínimo de segurança, e quem mais sofre com isso são as pessoas mais idosas e quem tem dificuldade de locomoção, por isso eu quero esse diagnóstico feito pelo Governo para que as providências sejam tomadas”, afirmou a petebista.

Com esse diagnóstico pronto será possível saber quais os locais que requerem uma ação mais rápida para a recuperação ou substituição de pontes de madeira por passarelas em concreto.

A preocupação da parlamentar é com todos os municípios do estado.

Agência Trabalhista de Notícias (PB), com informações da Assembleia Legislativa do AmapáFoto: Jaciguara Cruz