Mira Rocha quer explicações de companhia sobre apagões no Amapá

PTB Notícias 20/08/2015, 8:58


A Assembleia Legislativa do Amapá aprovou nesta semana o requerimento que pede o comparecimento do diretor-presidente da Companhia de Eletricidade do Amapá (CEA), Ângelo Cardoso, para prestar esclarecimentos, ainda este mês, sobre os constantes cortes no fornecimento de energia no Estado.

O depoimento vai ocorrer em sessão ordinária no plenário da Casa, em data a ser confirmada.

A deputada Mira Rocha (PTB), autora da matéria, afirmou que o depoimento de Ângelo Cardoso é muito importante para explicar interrupções no fornecimento de energia e apagões.

Esta é a segunda vez que o presidente da companhia é chamado ao Parlamento para prestar esclarecimentos.

A primeira foi no fim do primeiro semestre de 2015.

“Não é de agora esta situação, mas o problema se agrava a cada dia e sem qualquer justificativa as interrupções ocorrem diariamente.

Em certas regiões os cortes no fornecimento chegam acontecer até quatro vezes no mesmo dia.

Em Cutias do Araguari, os moradores ficaram até três dias sem energia.

Em Santana, a população ficou mais de dez horas no escuro”, relatou Mira.

A parlamentar quer entender porque após a interligação do Amapá ao linhão de Tucuruí, o fornecimento de energia no Estado piorou.

“A gente precisa ouvir dele o porquê disso, a gente quer saber como foi feita a ligação, já que o resultado deixa a desejar, e os consumidores continuam a acumular prejuízos com perdas de eletrodomésticos, eletroeletrônicos, assim como alimentos, e isso não pode continuar”, condiciona.

Agência Trabalhista de Notícias (LL), com informações da assessoria da deputada Mira Rocha (PTB-AP)Foto: Gerson Barbosa/Alap