Moção de João Manoel enaltece pesquisa de professores em Piracicaba (SP)

PTB Notícias 16/06/2014, 7:33


O presidente da Câmara de Piracicaba (SP), vereador João Manoel dos Santos (PTB), apresentou a moção de aplausos 136/2014 a oito professores doutores da Unimep (Universidade Metodista de Piracicaba), Fumep (Fundação Municipal de Ensino de Piracicaba) e Esalq (Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz) pelas relevantes pesquisas sobre o perfil do mercado de trabalho local.

A propositura foi aprovada em plenário na quinta-feira (12/6/2014), durante a 5ª Reunião Extraordinária.

Serão homenageados os professores Ana Maria Carrão, Maria Imaculada de Lima Montebelo, Francisco Constantino Crócomo e Hélio Boaretto Júnior (Unimep); Clayton Daniel Maschietto e Felipe Roger Victor (Fumep); e Eduardo Eugênio Spers e Heliani Berlato dos Santos (Esalq).

Em parceria com a Semtre (Secretaria Municipal do Trabalho e Renda) eles realizaram a Pesquisa do Trabalho e Renda em Piracicaba: Desafios e Oportunidades.

A Unimep e a Fumep foram as responsáveis pelo levantamento com empresas, trabalhadores, grupos e empresas de recursos humanos e na faculdades, buscando o perfil do novo trabalhador, os motivos da evasão dos cursos de qualificação profissional existentes, e os desafios das pessoas com deficiência e reabilitados no mercado de trabalho.

Os dados servirão para reformular os cursos de qualificações e requalificações oferecidos nas instituições da cidade.

Já a Esalq ficou responsável pela área de renda, com foco no mercado informal e nos microempreendedores individuais, identificando e caracterizando o mercado informal com o objetivo de aproximar o microempreendedor da formalidade.

A pesquisa se baseou em entrevista com trabalhadores informais cadastrados na Semtre, entre ambulantes e permissionários do camelódromo, além dos formalizados como microempreendedores.

A proposta nasceu devido à percepção da Semtre de que o setor informal, apesar de sua especificidade, tem se transformado nos últimos anos e muitas pessoas estão em busca da formalização.

No entanto, nem sempre estão devidamente orientadas para este fim, o que exigiria uma atuação pontual do setor público para equacionar essa questão.

Na justificativa do projeto, João Manoel diz que considera relevantes os dados pesquisados, que servem de base para o aperfeiçoamento dos profissionais piracicabanos.

O vereador solicita que cópia da moção seja encaminhada ao secretário municipal de Trabalho e Renda, Sergio Antonio Fortuoso.

Agência Trabalhista de Notícias (LL), com informações da assessoria da Câmara Municipal de PiracicabaFoto: Divulgação