Montagem da Passarela do Samba de Juiz de Fora começa na segunda-feira

PTB Notícias 12/01/2008, 10:13


A partir da próxima segunda-feira (14/01) terá início a montagem da estrutura da Passarela do Samba do Carnaval 2008 de Juiz de Fora – cidade administrada pelo petebista Alberto Bejani (MG), na Avenida Brasil, onde já foi instalada a iluminação especial para os desfiles.

Com experiência na área de eventos, a empresa Projecto Comunicação, de Belo Horizonte, é a responsável pelos trabalhos.

A previsão é de que a estrutura esteja totalmente concluída até o próximo dia 29, prazo que pode ser revisto, em função de variáveis como a incidência de chuvas.

Na fase inicial, as equipes devem trabalhar entre 7h e 21h, de domingo a domingo.

Em virtude da montagem, somente uma das duas pistas da Avenida Brasil, sentido bairro-centro, permanecerá aberta ao trânsito.

Para garantir segurança e reduzir os impactos no tráfego da região, será adotado um sistema reforçado de sinalização e policiamento na via, pela Gettran e Polícia Militar.

Ainda dentro das medidas para evitar acidentes, haverá iluminação especial na pista.

Os motoristas que trafegarem pela Avenida Brasil, durante o período de montagem, devem reduzir a velocidade e redobrar a atenção à sinalização.

Preços populares – Atendendo a diretriz de garantir uma festa democrática e solidária, a administração do prefeito Alberto Bejani, por meio da Secretaria de Política Social/Funalfa, manteve o preço dos ingressos para as arquibandas a R$ 1 mais um quilo de alimento não-perecível (exceção de sal e fubá).

Os mantimentos arrecadados serão utilizados nas creches da AMAC e em projetos sociais da Prefeitura de Juiz de Fora.

As mesas com quatro lugares, que dão direito aos quatro dias de desfile, poderão ser adquiridas por R$ 200 cada.

Já os camarotes de dez lugares, também válidos para quatro dias, serão comercializados a R$ 700 cada.

Os ingressos para arquibancadas (4 mil lugares por dia), mesas (cem) e camarotes comerciais (25) estão em fase final de confecção.

As datas e os locais de venda serão, em breve, divulgados pela Funalfa.

Não serão aceitas reservas.

Agência Trabalhista de Notícias (com informações da PJF)