Morre um dos líderes do PTB de Montenegro (RS), Adroaldo Machado

PTB Notícias 12/01/2015, 7:02


Faleceu na noite da última quarta-feira, dia 7/1, um dos líderes do Partido Trabalhista Brasileiro (PTB) de Montenegro (RS), Adroaldo José Machado de Mello.

A causa foi um infarto fulminante que o atingiu por volta das 21 horas.

Ele foi enterrado na quinta-feira no cemitério da cidade.

No caixão estava a bandeira do partido, que ele ajudou a fundar a mais de 20 anos no município.

Entre os amigos a consternação era geral.

Adroaldo, que completaria 60 anos em setembro deste ano, sempre foi muito ligado às atividades partidárias.

“Ele vai deixar uma lacuna difícil de ser preenchida.

Era aquele cara sempre disposto a fazer algo pelo partido.

Pelo conhecimento que tinha da política de Porto Alegre, era ele quem fazia os contatos necessários”, lembra o vice-presidente do PTB montenegrino, Nelson Timm.

Adroaldo foi assessor de diversos deputados na Assembleia Legislativa, sendo que o último foi Cassiá Carpes, que em 2014 foi candidato a vice-governador na chapa de Ana Amélia Lemos.

Em Montenegro Adroaldo teve também atividades na área de publicidade, com a agência Nova Imagem.

A voz grave e empostada o fez ser convidado inúmeras vezes para a função de mestre de cerimônias em diversos eventos.

Por muitos anos assinou coluna no jornal O Progresso com o pseudônimo de Adrojoma (união das primeiras sílabas de seu nome).

Ele deixa esposa, um casal de filhos e um neto.

Agência Trabalhista de Notícias (LL), com informações do portal Fato Novo Foto: Divulgação/Assessoria