Mozarildo Cavalcanti comenta entrevista de Tião Viana à revista ‘Veja’

PTB Notícias 7/07/2009, 11:29


O senador Mozarildo Cavalcanti (PTB-RR) manifestou em Plenário, nesta segunda-feira (06/7), seu apoio a críticas feitas pelo senador Tião Viana (PT-AC) ao presidente Luis Inácio Lula da Silva, em entrevista concedida à Veja desta semana.

Na entrevista, Tião Viana atribuiu a Lula uma parcela da responsabilidade pela crise enfrentada pelo Congresso Nacional.

Comentando afirmação de Tião Viana sobre a existência de fisiologismo na Câmara dos Deputados, Mozarildo não concordou, porém, com a justificação dada por ele para o problema, considerando-o simplesmente como próprio da “cultura política brasileira”.

– Aí eu me permito discordar do meu amigo Tião Viana: ‘Porque é da cultura brasileira’.

O PT não veio para mudar essa prática? O PT não dizia nos comícios, o presidente Lula não dizia que era para mudar o que estava errado neste país? – questionou.

Mozarildo não endossou ainda críticas feitas por Tião Viana ao PMDB, sobre uma suposta predominância de práticas fisiológicas no partido no Congresso Nacional.

O parlamentar disse, ainda, que o Parlamento não conseguirá se livrar do fisiologismo se não adotar um mecanismo impessoal de liberação de emendas parlamentares.

Em aparte, Wellington Salgado (PMDB-MG) e Papaléo Paes (PSDB-AP) manifestaram seu apoio ao pronunciamento de Mozarildo.

Wellington Salgado defendeu seu partido considerando “natural” uma ocupação maior de cargos no Executivo, em razão do tamanho da agremiação.

Já Papaléo culpou o governo federal pela desmoralização do Congresso devido ao envio de grande número de medidas provisórias à Casa.

fonte: Agência Senado