Mozarildo Cavalcanti defende reforma política com calendário único

PTB Notícias 29/10/2014, 15:58


O senador Mozarildo Cavalcanti (PTB-RR) defendeu nesta quarta-feira (29/10/2014) uma reforma política que promova “mudanças de verdade”.

A primeira delas, no seu entender, deve ser a unificação do calendário para as eleições em todos os níveis, de vereador a presidente da República.

Ele acha importante também que se discuta o financiamento das campanhas políticas, definindo-se se será público ou, como é hoje, misto (permitindo-se as doações privadas e a destinação de recursos do Tesouro Nacional para os partidos políticos).

Outro ponto que precisa ser questionado, disse Mozarildo, é a divulgação de pesquisas eleitorais, que, para ele, acaba influenciando o eleitor.

Mozarildo Cavalcanti também acha que se deve discutir o fim da reeleição.

“Não pode haver uma reeleição nos moldes atuais, em que a pessoa é candidata à reeleição no cargo de governador, presidente da República ou prefeito e, ao mesmo tempo, inaugura obras, faz visitas oficiais e campanha publicitária eleitoral.

Tem que haver realmente um equilíbrio.

Se é democracia, significa igualdade no tratamento de todos os candidatos.

Na reeleição atual do Brasil, é uma desproporção”, disse.

Mozarildo comemorou a vitória de Suely Campos (PP) para o governo de Roraima no domingo (26).

Segundo o senador, ela enfrentou a máquina governamental tanto do Estado quanto da Prefeitura de Boa Vista e, mesmo assim, conseguiu vencer a disputa.

Agência Trabalhista de Notícias (FM), com informações da Agência SenadoFoto: Geraldo Magela/Agência Senado