Mozarildo Cavalcanti lamenta falta de investimento na educação

PTB Notícias 21/02/2011, 21:46


Citando uma reportagem do jornal Folha de S.

Paulo que revela quanto o Brasil está atrasado na área educacional, o senador Mozarildo Cavalcanti (PTB-RR) disse nesta segunda-feira (21/02) que 17% dos professores não têm formação ideal para dar aula.

Para ele, a culpa por essa situação é do governo – municipal, estadual e federal -, que não investe na qualificação e na reciclagem do professor.

– O jornal diz que o país não pode prescindir dos professores, ilegais ou não.

Isto é, tendo ou não tendo formação necessária e requerida, o país não pode abrir mão desses professores.

Eu lamento que não haja atenção com o professor, que não haja realmente investimento no professor – afirmou.

Mozarildo assinalou que não há como pensar em ter uma educação melhor se não há um número suficiente de professores e os que existem ainda não têm a qualificação ideal para dar aula.

Outra questão abordada pelo senador é a informação do Ministério da Educação dando conta que a cada ano diminui a procura pelo curso de Pedagogia e de licenciaturas.

Em sua avaliação, falta estímulo financeiro àquelesque pensam em seguir a carreira, pois o salário de professor “é imoral”.

O senador também lamentou que em recente programa internacional de avaliação de alunos o estado de Roraima tenha conseguido o segundo lugar no quesito “gasto na educação”, mas tenha ficado em 18º lugar na avaliação geral.

Essa mesma avaliação mostra que o Distrito Federal foi o que mais gastou corretamente com educação, pois ficou em primeiro lugar.

– Lamento que o governo de Roraima, pelo menos de 2007 para cá, não tenha levado a sério a aplicação do dinheiro na educação, na saúde e na segurança.

Quero pedir aos órgão competentes que, com esses dados, façam uma investigação mais profunda sobre como está sendo gasto esse dinheiro.

Eu fico muito triste porque se não investirmos nos jovens, que futuro podemos esperar? – questionou.

fonte: Agência Senado