Mozarildo criticou baixos valores pagos por planos e seguros de saúde

PTB Notícias 7/04/2011, 14:50


O senador Mozarildo Cavalcanti (PTB-RR) criticou os baixos valores pagos pelos planos e seguros de saúde.

De acordo com o parlamentar, o médico recebe, em média, R$ 39,65 por consulta.

– Isso não é a diária de um pedreiro – afirmou o senador, que é médico.

Em pronunciamento na última quarta-feira (6/04/2011), o parlamentar também criticou os serviços prestados pelos planos de saúde, que não cobrem vários exames e procedimentos.

O senador considerou “muito oportuno” que os médicos façam uma paralisação dos atendimentos de planos de saúde na última quinta-feira (7/04/2011), Dia Mundial da Saúde.

O senador disse que os planos de saúde existem em função do lucro, o que motiva constantes aumentos nas mensalidades.

Ele acrescentou que o Sistema Único de Saúde (SUS) “já faliu e precisa ser reformado” e que os planos de saúde “merecem uma profunda análise e investigação” pela Agência Nacional de Saúde Suplementar.

– Não é possível brincar com o dom mais importante que a pessoa tem, que é a sua saúde – afirmou o parlamentar, que foi aparteado pelo senador Cícero Lucena (PSDB-PB)Agência Trabalhista de Notícias (PB), com informações da Agência Senado