Mozarildo reclama da falta de atenção do governo federal com a Amazônia

PTB Notícias 24/11/2009, 7:56


O senador Mozarildo Cavalcanti (PTB-RR) criticou em Plenário, nesta segunda-feira (23/11), o tratamento que vem sendo dado pelo governo federal aos estados da região amazônica.

Um dos problemas maiores da atual política federal para a Amazônia é, segundo ele, é o pequeno volume de recursos transferidos pela União para a região.

Mozarildo disse que apenas 5% dos recursos de transferência voluntária do governo federal foram destinados à Amazônia, que representa 61% do território nacional e é, segundo ele, a região que mais precisa da atenção do governo federal.

– Aprendi que quem mais precisa é que deve ter mais; quem é mais carente, deve ter mais atenção – disse.

Comentando reportagem do jornal O Estado de S.

Paulo que revelou o baixo percentual – menos de 5% – representado pelas queimadas na região amazônica na geração de gases do efeito estufa, Mozarildo cobrou do governo a redução dos entraves ambientais ao desenvolvimento da economia da região.

Mozarildo lamentou ainda a visita anunciada do músico inglês Sting ao Brasil para protestar contra a construção da Usina Hidrelétrica de Belo Monte, no Pará.

Ele lembrou que em Roraima, onde a construção de duas hidrelétricas está suspensa por problemas de licenças ambientais, pode haver falta de eletricidade devido ao fato de o estado depender da importação de energia da Venezuela, que atualmente está enfrentado problemas de escassez deste insumo.

Em aparte, o senador Valdir Raupp (PMDB-RO) parabenizou Mozarildo pelo discurso.

* Agência Trabalhista de Notícias com informações da Agência Senado