“Não pode haver superioridade entre o homem e a mulher”, diz Mozarildo

PTB Notícias 9/03/2010, 17:14


“O organismo da mulher é várias vezes mais perfeito que o do homem.

A mulher engravida, tem seu parto, amamenta, e o homem nada disso faz.

Somos uma espécie de jipe, de trator, se comparado ao organismo da mulher, que é um carro de última geração, altamente sofisticado”.

A afirmação foi feita nesta terça-feira (09/3) pelo senador Mozarildo Cavalcanti (PTB-RR) ao saudar a passagem do Dia Internacional da Mulher, comemorado em 8 de março.

Ele lembrou que nesta data 129 operárias norte-americanas da indústria têxtil foram mortas em 1857 quando lutavam por melhores condições de trabalho.

Em seu discurso, o senador homenageou as mulheres de sua família e destacou artigo publicado na revista de bordo da companhia aérea American Arlines, “escrito por uma mulher”, segundo o qual “a idéia de igualdade entre os sexos é errônea e destrutiva para a mulher, o homem, a família e a sociedade, pois gera um sentimento de competição entre o homem e a mulher”.

– A mulher quer igualdade de dignidade.

Celebremos as diferenças, sem atribuir-lhes superioridade uma sobre as outras – afirmou.

Mozarildo Cavalcanti defendeu ainda o ingresso das mulheres na política, lembrando que 30% dos cargos eletivos devem ser preenchidos por mulheres, conforme prevê a legislação vigente, embora essa venha sendo uma meta de difícil alcance, pelo menos em Roraima, disse o senador.

– As mulheres não querem.

Talvez elas tenham razão.

Mas o certo é que não se consegue.

Venham para a política, participar efetivamente, porque precisamos da participação feminina – afirmou.

fonte: Agência Senado