Nelsinho Trad dá posse às comissões do PTB Mulher de Campo Grande

PTB Notícias 16/11/2017, 7:49


Imagem Crédito: Divulgação

O PTB de Mato Grosso do Sul realizou, na terça-feira (14), um encontro na Câmara Municipal de Campo Grande para empossar Maria Thereza e Fátima Souza, respectivamente no PTB Mulher estadual e municipal, e discutir a importância da participação da mulher na política.

O encontro contou com a apresentação do artista regional Irwing Ferreira e do grupo “Las Voces de La Experiência”. “Quero agradecer a presença de todos que, mesmo com o feriado prolongado, vieram prestigiar mais uma conquista do PTB-MS”, declarou o secretário-geral Adaltro Albineli, ao abrir o encontro.

O presidente estadual do PTB, Nelsinho Trad, elogiou o trabalho das mulheres e citou a importância e o desafio que é reconstruir um partido. “Nós estamos reorganizando o PTB, e quem comanda um partido tem o dever de preparar a agremiação partidária para o futuro embate que terão pela frente. Isso faz parte da democracia política que estamos vivendo. E hoje passo esse desafio para Maria Thereza e Fátima que, junto com a comissão, deverão se comunicar com os municípios do Estado e plantar a semente do PTB Mulher em todas essas cidades”, destacou. “Hoje estou orgulhoso de poder fazer parte de mais uma conquista do PTB, que é a posse do PTB Mulher estadual e municipal, e espero de vocês a multiplicação desse trabalho nos outros municípios. Parabéns, mulheres, por cada dia mais quererem conquistar o espaço de vocês.”

O vereador Otávio Trad (PTB) agradeceu a presença das mulheres e falou da força feminina. “A representatividade feminina é muito aquém do que deveria ser. Venho com o sentimento de muita alegria, porque sei que Maria Thereza vai contribuir muito para o partido, assim como a Fátima. Conheço a história de vocês, e coloco meu gabinete à disposição da diretoria. Tenho certeza que vocês vão fazer com que o PTB tenha êxito nas próximas eleições”, prevê.

Em seu discurso, a presidente estadual do PTB Mulher, Maria Thereza, citou a dificuldade de valorização das mulheres na política. “Os partidos colocam as mulheres para cota. Queremos para política. Colocar a mulher no lugar que ela merece e valorizar, apoiar e incentivar. Mais do que tudo, empoderar a mulher, a autoridade maior em uma família. Ela tem que estar inserida na política. Sou mãe de cinco filhos, psicóloga, e sempre me posicionei em prol de políticas públicas para as mulheres, defendendo principalmente a lei Maria da Penha. E é com o mesmo propósito que aceito o desafio de assumir uma função importante dentro do PTB. Eu e minhas companheiras vamos trabalhar para que o nosso espaço seja reconhecido e valorizado”, finalizou.

Com informações do PTB de Mato Grosso do Sul