Néviton quer aumento de arenas esportivas e redução de tráfico de drogas

PTB Notícias 24/11/2011, 7:43


O provável aumento de praças esportivas nos bairros de Cuiabá (MT) e a melhoria nas condições de trabalho para os professores de educação física, entre outros, estão inclusos nos principais legados esperados por desportivas e abnegados da área desportiva, após a Copa do Mundo no Pantanal de 2014.

A avaliação partiu do segundo secretário da Câmara de Cuiabá, vereador Professor Néviton Moraes (PTB), após participar de reuniões com líderes comunitários e dirigentes de organizações sociais para avaliar o impacto da Copa do Pantanal, no cotidiano da Capital mato-grossense.

Cada vez que a criança coloca o esporte como prioridade em sua vida, mais distante ela estará de ser seduzida pelo tráfico de drogas e outras mazelas.

O vereador acredita que o próprio tráfico de tóxicos e entorpecentes tende a diminuir com o aumento da prática de esportes.

“É que falam muito nos jogos que vão acontecer na Arena do Verdão e na recepção que devemos dar aos turistas de outros países.

Isso é válido, sim, mas confesso que estou mais preocupado com o que é que vai “sobrar” de bom para a população cuiabana”, argumenta Néviton Moraes.

Ele destacou, inclusive, a visão do prefeito Chico Galindo (PTB) de sugerir à Secretaria Extraordinária da Copa (Secopa) alguns locais para ampliação e modernização para a prática do desporto.

Com a experiência de educador da rede pública há mais de décadas, Professor Néviton observa que, hoje, em quase um terço das escolas públicas não existe locais adequados para a prática da educação física.

“Veja bem: a educação física não é apenas uma disciplina, mas, sim, um ensino de qualidade de vida que serve para o estudante praticar até ficar velhinho”, justifica o parlamentar petebista.

Professor Néviton entende que os projetos para a construção de espaços públicos destinados à prática de exercícios físicos, principalmente em bairros distantes da área central, vão beneficiar consideravelmente as comunidades menos favorecidas pela sorte.

“É de suma importância que tais investimentos sejam feitos com critérios e, depois, o poder público possa manté-los em funcionamento, porque é justamente essa camada da população que menos tem alternativa de esporte lazer”, avisa Néviton.

Na próxima semana, o segundo secretário da Mesa Diretora da Câmara estará apresentando indicações para a Prefeitura Municipal construir quadras poliesportivas em 11 bairros de Cuiabá.

Agência Trabalhista de Notícias (LL), com informações do Portal da Câmara Municipal de Cuiabá