Nilton Capixaba se diz indignado com governo federal por transposição

PTB Notícias 1/11/2013, 19:45


O coordenador da Bancada Federal, deputado Nilton Capixaba (PTB-RO), disse estar indignado com o governo federal e com a equipe que integra a Comissão Interministerial da Transposição, formada por membros do Ministério do Planejamento, Fazenda, CGU e AGU porque até agora não houve nenhuma definição sobre o enquadramento dos servidores estaduais de Rondônia aos quadros da União.

Na última reunião coordenada por ele com o presidente da comissão Geraldo Nicoli e o secretário Sérgio Mendonça, o que se viu foi um festival de informações desencontradas sobre quem seriam transpostos e quantos de fato seriam beneficiados.

No primeiro momento, Nicoli deixou escapar que já foram analisados 1.

040 processos, depois disse que apenas 300 estavam aptos, mas na verdade “apenas 33 tiveram o deferimento publicado por Portaria no Diário Oficial da União.

Não podemos concordar com esse descaso”, afirmou Capixaba.

O deputado Capixaba lembrou que na última visita que a presidente Dilma Rousseff fez à Rondônia disse claramente que com essa transposição se faria Justiça com o povo de Rondônia.

“Que Justiça é essa?”, questionou o parlamentar.

Na reunião realizada esta semana com a secretária executiva do Ministério do Planejamento e Gestão Eva Maria Cella Shiavon, Capixaba questionou sobre a demora no processo de transposição dos servidores.

Ele disse que o governo federal “não pode mais enrolar esses servidores que esperam há muito tempo por esse direito.

Para ele, basta aplicar o que está escrito na Emenda Constitucional 60″, concluiu indignado o deputado Nilton Capixaba.

* Agência Trabalhista de Notícias (LL), com informações do portal Rondônia Dinâmica