No Dia da Enfermagem, Wilson cobra votação da jornada das 30 horas

PTB Notícias 14/05/2014, 8:05


Uma sessão solene em homenagem à Semana da Enfermagem, proposta pelo deputado Wilson Filho (PTB-PB), foi realizada na segunda-feira (12/5/2014), na Câmara Federal, em Brasília, e contou com a participação de diversos profissionais de enfermagem.

Na ocasião, o parlamentar paraibano cobrou a inclusão na pauta para votação do PL 2295/2000, mais conhecido como PL 30 Horas.

De acordo com o deputado, que preside a Frente Parlamentar Mista em Defesa da Enfermagem na Câmara Federal, a sessão – que ocorreu Dia da Enfermagem – teve o objetivo de ressaltar a importância do trabalho desempenhado pelos profissionais da enfermagem e avaliar a situação atual da categoria no país.

“A enfermagem necessita ser ouvida e precisa, principalmente, de mais respeito.

É uma categoria tão importante para a saúde do país, mas que está sendo desvalorizada.

O enfermeiro tem papel fundamental no educar para a saúde e no cuidado com os pacientes.

O momento é de celebração, mas não sei se a categoria tem muita coisa para comemorar”, comentou Wilson Filho.

A luta pela jornada de trabalho de 30 horas para trabalhadores da área da saúde foi um dos temas discutidos na sessão.

O deputado lembrou que há mais de uma década os profissionais lutam e cobram a aprovação do Projeto de Lei do Senado 2.

295/2000, mais conhecido como PL 30 Horas, que estabelece a jornada máxima de 30 horas semanais para os enfermeiros, técnicos e auxiliares de enfermagem.

“A valorização da enfermagem deve ser feita.

Estou junto com os profissionais da saúde nesta luta, pois a redução da carga horária irá aumentar a oferta de trabalho e também diminuir o estresse no exercício da atividade, resultando em melhoria na assistência e humanização dos serviços prestados”, ressaltou Wilson Filho lembrando que a redução da jornada de trabalho é essencial para garantir o bom desempenho da profissão.

Wilson Filho tem promovido debates, discursos e articulado, em Brasília, mobilizações em defesa dos enfermeiros e reconhece que aprovação do PL 30 Horas deve ser urgente.

“Vou continuar usando o meu mandato para defender a categoria.

A votação do projeto deve ser o mais rápido possível.

” Agência Trabalhista de Notícias (LL), com informações do portal WSCOM online Foto: Divulgação