Nota do PTB Mulher em repúdio à operação da Polícia Federal contra Roberto Jefferson

Agência Trabalhista de Notícias 27/05/2020, 15:49


Imagem

Nós, do PTB, amanhecemos surpreendidos e indignados com a notícia de que o nosso presidente nacional, Roberto Jefferson, foi alvo de operação de busca e apreensão da Polícia Federal. A alegação é de que o Supremo Tribunal Federal incluiu o nosso líder petebista entre os investigados por divulgação de fake news.

Essa busca e apreensão foi absurda, descabida e arbitrária. Roberto Jefferson está sendo perseguido por manifestar sua opinião, nada mais que isso. Uma coisa é usar as redes sociais e se manifestar na mídia com opiniões, visões de um assunto, críticas. Outra coisa bem diferente é divulgar mentiras, as chamadas fake news. E isso o presidente do PTB não faz. Ele diz verdades, por mais incômodas que possam parecer.

Portanto, o PTB Mulher repudia essa violência cometida contra o nosso presidente. O que estamos assistindo é uma tentativa de calar opositores. O foco não está é evitar a divulgação de fake news, mas impedir as críticas ao STF. Isso tem nome: censura. Vou repetir: censura! É uma afronta à liberdade de expressão. É um atentado à democracia.

Nós, do PTB Mulher, expressamos toda a nossa solidariedade a Roberto Jefferson. Presidente, estamos juntos. As mulheres estão aqui prontas para defendê-lo das arbitrariedades, ilegalidades e injustiças. Você não se calou no passado e não irá se calar agora. Ainda vivemos em uma democracia e as pessoas ainda possuem o direito de se expressarem livremente.

Censura nunca mais!

Graciela Nienov
Presidente Nacional do PTB Mulher