Nova Xavantina (MT) ganhará usina de etanol e energia elétrica

PTB Notícias 21/01/2009, 11:10


A Cluster Bioenergia confirmou o investimento de R$ 2,8 bilhões no Vale do Araguaia mato-grossense para a construção de três usinas de etanol e energia elétrica.

Um dos municípios beneficiados é Nova Xavantina, cidade administrada pelo petebista Gercino Caetano Rosa.

O Termo de Acordo de Incentivo Fiscal entre a Secretaria de Indústria, Comércio, Minas e Energia (Sicme) e a empresa foi assinado na última quinta-feira, 15/01, no Palácio Paiaguás.

A expectativa é que sejam criados 7.

185 empregos diretos, chegando aos 28.

740 postos de trabalho em toda a cadeia de produção da cana de açúcar.

O empreendimento foi decidido após o Governo do Estado oferecer benefícios fiscais para que o grupo escolhesse a região, dentro de uma política de atração de investimentos.

A primeira usina, no município de Barra do Garças, deverá estar concluída em 2012.

A segunda usina será erguida no município de Nova Xavantina, entrando em operação em 2014.

Já a terceira será instalada em Água Boa, iniciando sua produção em 2016.

Cada unidade manterá as mesmas características e capacidade crescente de operação.

Serão processados 1,05 tonelada de cana de açúcar no primeiro ano de funcionamento de cada usina, ou seja, 450 toneladas por hora.

O resultado é uma produção anual de 377 mil metros cúbicos de etanol e a geração de 121 MW de energia elétrica, destes, 29MW para consumo interno e 92MW para a venda.

Para o segundo ano de operação, cada usina passará a processar 590 toneladas/hora, e no ano seguinte atinge sua capacidade máxima, 940 toneladas/hora.

Para facilitar e garantir mais recursos para a logística de toda a região, o governador comentou que está priorizando, juntamente com a bancada federal de Mato Grosso, a federalização da MT-100.

A rodovia liga Barra do Garças a Alto Araguaia, cidade que abriga a estação ferroviária da Ferronorte.

Fonte: Jornal O Documento