Novas regras eleitorais são debatidas no 17º encontro do PTB de Goiás

PTB Notícias 19/07/2016, 7:26


Imagem Crédito: João Ricardo/Liderança do PTB na Câmara

[vc_row][vc_column][vc_column_text css=”.vc_custom_1468960756380{margin-bottom: 0px !important;}”]O PTB de Goiás realizou, na segunda-feira (18), o seu 17º encontro estadual. O evento teve como objetivo preparar os petebistas para as eleições municipais de 2016. Entre os temas tratados: as novas regras eleitorais, com destaque para o fim do financiamento privado de campanha.

De acordo com o presidente estadual do partido, deputado Jovair Arantes, a intenção foi de orientar os pré-candidatos a prefeito para que não tomem atitudes erradas, pois corre o risco de ser eleito e não assumir o mandato.

“O objetivo é falar um pouco sobre a legislação eleitoral. Estamos distribuindo um material importante para orientação dos candidatos. Sabemos que no momento desse e com a política em efervescência como está, com a diferenciação da lei eleitoral, para esse período, precisamos ter uma boa orientação, senão o cidadão ganha e não leva. É uma campanha diferente, sem financiamento privado. É um teste que está sendo feito no Brasil inteiro. Espero que a orientação seja importante para eles que somos candidatos do PTB. Teremos mais de 64 candidatos a prefeito no Estado inteiro”, disse.

Crescimento

Além de discutir as novas regras eleitorais, o crescimento do PTB de Goiás nas eleições municipais também foi assunto durante o encontro. O deputado estadual Henrique Arantes avaliou que a legenda tem mais condições de eleger mais prefeitos do que no pleito de 2012.

“É um momento diferente para nós. Estamos com uma articulação bem consolidada feita pelo partido. Nós estamos fazendo encontro regional com nossos pré-candidatos a prefeito. Na eleição passada eram 35 pré-candidatos a prefeito, hoje são 64. Temos uma perspectiva real de eleger mais prefeitos”, prevê.

Este foi o último encontro do PTB de Goiás antes da convenção partidária da capital Goiânia, que está marcada para o dia 5 de agosto.

Com informações do Diário de Goiás
[/vc_column_text][/vc_column][/vc_row]