Padre Roque declara terreno como utilidade pública para doação à Infaero

PTB Notícias 17/02/2009, 10:40


O prefeito de Londrina, José Roque Neto (padre Roque – PTB/PR), assinou na última semana o decreto de n° 155/2009, que torna de utilidade pública uma área de 39.

613,39 m², que é parte do terreno da antiga Carambeí, ao lado do Aeroporto, para fins de desapropriação e doação à Empresa Brasileira de Infra-Estrutura Aeroportuária (Infraero).

O documento também especifica que parte da área (18.

438,75 m²) será destinada à Infraero, para instalação do Instrument Landing System (ILS); outros 11.

188,17 m² para remanejamento da avenida Salgado Filho; e uma área de 9.

986,47 m² para ser utilizada pela prefeitura em futuras edificações de atendimento público.

A solenidade, realizada no auditório do Instituto de Desenvolvimento de Londrina (Codel), contou com a participação do deputado federal Alex Canziani (PTB); do presidente da Câmara de Vereadores, Jairo Tamura (PSB); do vereador Sebastião Raimundo da Silva (PDT); do superintendente da Infraero, Marcos Vinícius Rezende Pio; e do presidente da Codel, Paulo Muniz.

Também assinaram o decreto o secretário de Governo, Tercílio Turini e o secretário de Gestão Pública, Nilso Paulo da Silva.

O prefeito afirmou que não é mais possível conviver com o transtorno do aeroporto fechado em razão do mau tempo e da baixa visibilidade e que, por isso, tomou a decisão de desapropriar a área para doá-la à Infraero, que vai instalar o ILS.

“Pela pista do nosso Aeroporto Governador José Richa passam grandes oportunidades de negócios, mas principalmente, por aquela pista, passam vidas.

Vidas que devem ser preservadas e que devem vir e ir com toda segurança”, afirmou o prefeito.

De acordo com Padre Roque, já foi iniciada uma negociação com o Grupo Massa, proprietário da área total da antiga Indústria Carambeí, e com certeza o processo será rápido e feito de forma responsável e tranqüila, para que ninguém saia prejudicado.

Ele elogiou o empenho do presidente da Codel, Paulo Muniz, para que essa antiga reivindicação do empresariado e de toda a população de Londrina possa ser atendida o mais rapidamente possível.

O deputado federal Alex Canziani ressaltou a importância do ato dirigido pelo prefeito José Roque Neto, afirmando que ficará para a história como o prefeito que resolveu uma questão fundamental para o norte do Paraná.

“Somos sede de uma macro-região e temos um aeroporto onde já funciona o Porto Seco, mas que precisa ter sua pista ampliada e o ILS instalado.

Esta atitude tomada pelo prefeito Padre Roque representará um avanço significativo para toda a região, e para os negócios que aqui podem ser realizados”, disse o deputado.

Ampliação da pistaA área tornada de utilidade pública é necessária para que a Infraero tenha segurança para a instalação do ILS.

As áreas necessárias para ampliação da pista já foram desapropriadas pelo município e doadas para a União.

Segundo o presidente da Codel, Paulo Muniz, os documentos referentes a um total de 248.

233,51 m² em áreas desapropriadas já estão em Brasília, devendo o processo ser concluído nos próximos dias.

Assim que for concluído o processo, a prefeitura já recebeu a garantia da Infraero de que os procedimentos para a ampliação do comprimento da pista serão agilizados.

Agência Trabalhista de Notícias (com informações do Jornal União)