Paes Landim: Brasil viveu semana rica para instituições jurídicas

PTB Notícias 1/07/2007, 10:51


O deputado federal Paes Landim, do PTB do Piauí, elogiou no plenário da Câmara a atitude do presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, ao empossar Antonio Fernando Souza para um novo mandato de dois anos à frente do Ministério Público Federal.

Segundo o deputado petebista, o presidente deu uma demonstração de grandeza ao reconduzir à frente da Procuradoria-Geral da República o Dr.

Antonio Fernando Souza, “um nordestino que saiu cedo do Ceará e foi estudar no Paraná, já aos 22 anos de idade, pela Faculdade de Direito da Universidade Federal do Estado, se diplomava”.

“Em sua posse, seu discurso foi sintético, objetivo, mas profundo, como é do seu estilo, aliás, discreto.

Poucas vezes se viu o Procurador-Geral da República, que praticamente só fala nos autos.

Embora sempre provocado pela imprensa, pelos meios de comunicação, S.

Exa.

procura evitar falar.

Acha que seu dever institucional é falar nos autos.

Essa é uma grande lição que S.

Exa.

dá ao Ministério Público Federal do Brasil”, disse Paes Landim.

O parlamentar do PTB piauiense divulgou também que esteve no Supremo Tribunal Federal, em uma cerimônia em homenagem ao Ministro Carlos Mário da Silva Velloso.

“Tive o privilégio de conviver com ele na Universidade de Brasília.

Fui eu quem o convidou para ser professor naquela instituição de ensino.

Tive o privilégio inclusive de chefiar a Escola de Leis na época em que S.

Exa.

era nosso professor.

Foi designado para saudá-lo hoje na sessão de homenagem no Supremo Tribunal Federal o Sr.

Ministro Ricardo Lewandowski, um excepcional Desembargador do Tribunal de Justiça de São Paulo que hoje enriquece também a história da nossa Suprema Corte”, relatou o deputado.

“Nesta semana, a Justiça brasileira e o Direito brasileiro tiveram dois grandes momentos: a posse de Antonio Fernando de Souza à frente do seu novo mandato de Procurador-Geral da República e a homenagem justa que o Supremo Tribunal Federal prestou a esse eminente juiz que dignificou o Judiciário brasileiro Carlos Mário Velloso.

Foi, portanto, uma semana rica para as instituições jurídicas do Brasil”, finalizou Paes Landim.

Agência Trabalhista de Notícias