Paes Landim destaca reportagem que apresenta boas perspectivas ao País

PTB Notícias 26/02/2008, 8:23


O deputado federal Paes Landim (PTB-PI) destacou em Plenário a reportagem “Esperanças do Brasil”, publicada pela revista Carta Capital, apresentando entrevistas com personalidades brasileiras nas áreas da economia, tecnologia, esporte, cultura e política.

Na avaliação do parlamentar, a matéria é “leitura obrigatória para todos os brasileiros”.

Landim parabenizou os responsáveis pela matéria especial, que brindou o Brasil com “uma radiografia magnífica sobre as perspectivas do nosso País”.

O deputado petebista ressaltou que trata-se de um documento rico, que deveria ser discutido na Câmara, nas universidades, pela profundidade, objetividade e pujança dos dados oferecidos, que mostram as potencialidades da economia brasileira.

Entre outras, Paes Landim citou entrevista concedida por Roger Agnelli à revista, na qual, segundo ele, o diretor-presidente da Vale, mostrou “com muito otimismo” que o Brasil pode crescer este ano mais do que os 5% previstos pelos economistas.

Banco do NordesteOutra matéria destacada pelo parlamentar foi sobre o papel cultural do Banco do Nordeste (BNB).

Segundo Landim, sob o título “Sertões 2007”, a revista revelou um Nordeste colado à contemporaneidade e ressaltou o trabalho desempenhado pelo banco nas áreas cultural, de conhecimento de lazer.

O centro cultural do Banco do Nordeste de Souza (PB), exemplificou o deputado, mereceu destaque especial porque foi instalado numa cidade do interior e recebe diariamente cerca de 800 pessoas para as sessões de teatro, cinema, musicais, mostras de livros e, principalmente, para o uso da biblioteca.

“Com esse investimento, o banco revolucionou a vida da população de Souza”, comentou o deputado, que fez um apelo à diretoria da instituição financeira para que a tradição de se criar centros culturais se estenda por todas as cidades do interior do Nordeste.

Depois de destacar a orientação cultural do banco, Paes Landim apelou ao secretário-executivo do Ministério da Fazenda, Nelson Machado, a quem são ligadas as diretrizes administrativas do Banco do Nordeste, para que a instituição repense a sua política de criação de novas agências.

“As regiões beneficiadas pelo banco são hoje verdadeiros cenários de progresso”, ressaltou o parlamentar do PTB piauiense, lembrando que as agências geram emprego, progresso e desenvolvimento econômico.

O deputado também destacou reportagens da mesma edição sobre o imaginário brasileiro e as reformas políticas.

fonte: Jornal da Câmara