Paraíba: Raoni Mendes denuncia processos licitatórios de sacos de lixo

PTB Notícias 14/12/2015, 8:19


Em pronunciamento na Câmara Municipal de João Pessoa (PB) na quinta-feira (10/12/2015), o vereador Raoni Mendes (PTB) apresentou denúncias em torno dos procedimentos licitatórios para aquisição de sacos plásticos para coleta de resíduos sólidos pela Autarquia Especial Municipal de Limpeza Urbana (Emlur).

O parlamentar ainda argumentou que o material fornecido pela empresa é de qualidade inferior ao que foi contratado.

O parlamentar destacou que, em agosto deste ano, uma empresa concorreu e ganhou licitação para fornecimento de sacos para coleta de lixo na capital paraibana.

Para isso, seria necessário entregar um atestado de capacidade técnica e comercial, que foi registrado somente um dia antes da concorrência e na mesma data em que a empresa firmou contrato com outra empresa privada.

“Como pode essa empresa privada, que firmou contrato com a outra que concorria à licitação, ter atestado a capacidade técnica da empresa no mesmo dia em que firmou o contrato com ela? Como se pode atestar a idoneidade de uma empresa no mesmo dia em que a conhece, celebra contrato e tira nota fiscal, para, no dia seguinte, aquela disputar uma licitação com o poder público?”, indagou.

Raoni Mendes ainda reiterou que os produtos entregues pela empresa que ganhou o certame foram de péssima qualidade.

Ele exibiu para o plenário da Câmara Municipal os sacos de lixo que foram contratados e os que foram disponibilizados para a Emlur ao longo dos últimos quatro meses.

“É claramente perceptível que a espessura dos dois produtos é muito diferente.

Os sacos entregues têm sido outros, infinitamente mais fracos, mas a população pagou pelo saco mais caro e de melhor qualidade.

Há dúvidas claras a respeito dessa licitação, que custou aos cofres públicos quase R$ 500 mil”, completou.

Em aparte, o líder da bancada governista questionou a credibilidade das denúncias de Raoni Mendes, mas garantiu que a situação exposta será averiguada.

Esse posicionamento foi corroborado por outros situacionistas, como Sérgio da SAC (SD) e Djanilson (PPS).

“Ocorrem problemas com licitações em alguns governos, mas na gestão do prefeito Luciano Cartaxo (PSD) nunca houve nada nesse sentido.

É claro que as denúncias devem ser apuradas”, finalizou Djanilson.

Agência Trabalhista de Notícias (LL), com informações da Câmara Municipal de João Pessoa Foto: Olenildo Nascimento/Câmara Municipal de João Pessoa