PEC relatada por Gim Argello restabelece adicional por tempo de serviço

PTB Notícias 24/10/2012, 16:08


O líder do PTB no Senado, Gim Argello (DF), é relator de três PECs (Propostas de Emenda à Constituição) que tramitam em conjunto para restabelecer o adicional por tempo de serviço às carreiras públicas remuneradas por subsídio, como é o caso das polícias federal e civil, Abin, Ministério Público, magistratura e procuradoria.

O benefício incidirá sobre a remuneração a razão de 5% a cada cinco anos de efetivo exercício (limitado a 35%), a exemplo do que é pago aos demais servidores públicos.

De acordo com o relator, o adicional é justo e porá fim à disparidade remuneratória.

“O reconhecimento dos trabalhos prestados pelos funcionários de qualquer empresa é essencial, por isso precisamos valorizar aqueles que já estão há tanto tempo servindo a população”, disse Gim.

As PECs (PEC 2/11; PEC 5/11; PEC 68/11) tramitam em conjunto e já estão prontas para votação na Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania.

Agência Trabalhista de Notícias (NM), com informações do site do senador Gim Argello