Pietroski defende a democracia social e econômica na Assembléia gaúcha

PTB Notícias 3/09/2009, 12:25


Segundo Pietroski, é preciso que se afirmem mais os valores da moralidade e austeridade .

Em nome da bancada do PTB, o deputado estadual Iradir Pietroski abordou os contrastes econômicos e sociais do nosso país durante a Sessão Solene de homenagem à Semana da Pátria, nesta quarta-feira (02/9), na Assembléia Legislativa do Rio Grande do Sul.

O parlamentar destacou também os avanços do Brasil desde sua independência em 1822, e a transformação em realidade do sonho dos inconfidentes em ver o Brasil dotado de independência política e autonomia administrativa.

O deputado petebista iniciou seu discurso lembrando a trajetória do Brasil para alcançar independência e a necessidade de se equiparar a democracia política à democracia econômica e social.

“Vivemos em um país com grande capacidade produtiva, mas que, ao mesmo tempo,registra uma indecente concentração de renda.

Existe um abismo entre os ricos e marginalizados e essa origem está nas circunstâncias políticas, econômicas e sociais”, disse ele.

“Não é admissível que no Rio Grande do Sul, um estado que se orgulha de ostentar os mais elevados níveis de qualidade de vida do país, milhares de pessoas sobrevivam abaixo da linha da pobreza” reforçou.

Pietroski destacou que “esses dados lamentáveis” são exatamente a medida do desafio que os governantes e legisladores precisam enfrentar para que a democracia política corresponda efetivamente à econômica e social.

“As conquistas obtidas no campo político-institucional não nos devem transmitir a ilusão de que a democracia seja pronta e acabada.

É essencial, também, que façamos valer o princípio constitucional da igualdade.

É preciso que saibamos modernizar nossa legislação eleitoral incorporando-a de conceitos que tornem mais forte a essência da democracia”.

Segundo o petebista, têm-se assistido alguns nítidos avanços em diversas áreas públicas e na condução de ideais republicanos, mas, na sua opinião, é preciso que cada dia se afirmem mais os valores da moralidade e austeridade.

“Estes valores, bem como a preocupação com o fim das desigualdades econômicas e sociais, são formas de patriotismo”, declarou.

fonte: site do PTB – RS