PL de Dilemário obriga ar refrigerado no transporte coletivo de Cuiabá

PTB Notícias 9/12/2013, 16:36


O vereador Dilemário Alencar (PTB-MT) apresentou projeto de lei que obriga as empresas concessionárias dos serviços de transporte coletivo de Cuiabá a utilizar sistema de ar refrigerado em toda a frota.

O projeto passará por votação pelos vereadores da Câmara Municipal de Cuiabá, e, se aprovado, seguirá para a sanção do prefeito Mauro Mendes (PSB).

Com a aprovação da lei, as empresas terão até seis meses após a publicação da lei para se adequar à medida.

Caso contrário, o texto prevê multa de R$ 10 mil por cada atuação realizada pela Prefeitura de Cuiabá às concessionárias do transporte coletivo.

Segundo a Associação Matogrossense de Transportadores Urbanos (MTU), trafegam por Cuiabá 380 ônibus e 90 micro-ônibus, os quais seriam afetados pela medida.

Dilemário Alencar vem lutando pela melhoria das condições do transporte coletivo em Cuiabá.

É o principal defensor da redução do valor da tarifa no município, inclusive denunciando ao Ministério Público irregularidade na planilha de custos.

Recentemente, Dilemário protocolou junto ao Serviço de Proteção ao Consumidor (Procon) denúncia sobre as péssimas condições de trafegabilidade dos ônibus, o que foi feito após receber reclamações e fotos de usuários revelando a situação precária dos veículos, como a de passageiros usando guarda-chuvas dentro de um ônibus.

Agência Trabalhista de Notícias (FM), com informações da Câmara Municipal de CuiabáFoto: Câmara Municipal de Cuiabá