PL de Marinho quer que academias coloquem cartazes sobre anabolizantes

PTB Notícias 29/04/2013, 18:10


Em Mato Grosso, as academias de ginástica, centros ou clubes esportivos e outros congêneres podem ser obrigados a afixar placas de advertências sobre o uso inadequado de anabolizantes.

O aviso deve ser exposto em local de fácil visibilidade.

O projeto de lei nº 142/2013 é de autoria do deputado Luiz Marinho (PTB).

A proposta já está em tramitação na Assembleia Legislativa, para analise da sua constitucionalidade por meio das Comissões Permanentes da Casa de Leis.

As academias que não respeitarem as normas serão penalizadas com multa diária de um salário mínimo, vigente à época da infração.

Já as despesas à implantação da lei, caso sancionada pelo Poder Executivo, ficarão inseridas nas dotações orçamentárias próprias do Governo do Estado.

Para Marinho, o uso indiscriminado de anabolizante deve ser desencorajado pelas academias.

“Esse produto deve ser banido do meio esportivo e das academias de ginásticas.

A proposta é mais um instrumento eficaz para combater e resolver essa temática”, disse o parlamentar.

As mensagens devem ser confeccionadas em placas de 120 cm² e com os seguintes dizeres: “O uso inadequado de anabolizantes pode causar alterações da função hepática, prejuízos no sistema cardiovascular, hipertensão, alterações no processo reprodutor, aumento da agressividade, desenvolvimento de tecido mamário no homem, efeitos virilizantes, além da sustentabilidade de lesão no tecido conectivo”.

Agência Trabalhista de Notícias (NM), com informações da Assembleia Legislativa de Mato GrossoFoto: Widson Maradona