Prefeita de Assis, Dalila de Mello é homenageada na Assembleia do Paraná

PTB Notícias 8/03/2012, 7:54


Nesta quarta-feira, 07/03, na Assembleia Legislativa do Paraná foi realizada uma sessão especial comemorativa ao Dia Internacional da Mulher, comemorado hoje, 8 de março.

Foram homenageadas na cerimônia 54 mulheres, cada uma indicada por um dos 54 parlamentares.

Uma das homenageadas foi a prefeita de Assis Chateaubriand (PR), Dalila José de Mello (PTB).

Nascida em Abatiá (PR), casada com Arildo Barbosa dos Santos, Dalila é mãe de seis filhos, sendo três adotados.

E tem uma trajetória digna das mais valentes mulheres brasileiras.

Trabalhou na lavoura, lavando roupas, como empregada doméstica, e professora de primário.

Chegou em Assis Chateaubriand no início dos anos 70, quando começou a se dedicar às causas sociais.

Ajudou a fundar uma das maiores instituições da região que cuidam de crianças, o CEMIC.

Foi secretária de Saúde e é até hoje um dos ícones do trabalho social nessa área.

Durante 16 anos foi vereadora, se elegendo com expressiva votação em todos os quatro mandatos.

Eleita prefeita do município em 2004, transformou o município num grande canteiro de obras que mudou a história da cidade.

Seu trabalho foi reconhecido de tal forma que venceu novamente as eleições quatro anos depois, sendo reeleita para mais um mandato, em 2008.

“Dalila governa Assis com mão de ferro, mas tratando seu povo com um coração de mãe, tendo a razão por princípio, sem abrir mão da emoção do ser humano que é”, disse Rossoni.

“Me sinto muito honrada sendo homenageada, representando as mulheres do meu município e representando o meu oeste.

Estou muito emocionada com a indicação do deputado Rossoni”, disse Dalila.

A secretária Fernanda Richa destacou o reconhecimento às causas realizadas e defendidas pelas mulheres que foram homenageadas.

“Fico feliz e quem não ficaria com um reconhecimento de extrema importância, quando a Assembleia expõe à sociedade um reconhecimento às mulheres que trabalharam em prol da comunidade.

Agência Trabalhista de Notícias (LL) com informações do Portal Luciomar Castilho