Prefeita Ione Sobral acompanha diretrizes do Plano de Saneamento Básico

PTB Notícias 10/12/2011, 8:26


Aconteceu nesta semana, no auditório da sede da Fundação Nacional da Saúde (Funasa), em Aracaju (SE), uma reunião que colocou em evidência a implementação do Plano Municipal de Saneamento Básico nos municípios sergipanos.

A reunião contou com a presença de representantes de várias localidades, entre eles a prefeita de Laranjeiras, Ione Sobral (PTB).

O Plano, que tem por finalidade a execução de obras que visam o saneamento nas áreas de abastecimento de água e esgotamento sanitário, limpeza urbana, manejo de resíduos sólidos e drenagem de águas pluviais (da chuva) nas comunidades, terá validade de 20 anos e foi criado pelo Governo Federal na intenção de prezar pela qualidade de vida de toda a população.

Prazo legal Lorival chamou a atenção para o prazo de formalização do material e afirmou que é essencial que os participantes obedeçam o cronograma.

“Por isso o motivo da reunião.

Precisamos que os gestores cobrem das empresas participantes e também dos técnicos envolvidos maior rigor nos prazos.

Dos 15 municípios participantes, apenas cinco apresentaram a projeto básico até agora”, alerta o superintendente.

Outra informação importante levantada pelo superintendente está relacionada à ausência do interesse de 56 municípios no projeto, que prevê inicialmente investimento de R$ 100 mil em cada comunidade participante.

“Precisamos que sejam elaboradas uma peça, chamada “Parecer Técnico Participativo”, no qual evolvem as necessidades da comunidade no que diz respeito ao saneamento básico, mas infelizmente muitos ainda não se deram conta da importância da ação”,aponta Lorival.

A prefeita de Laranjeiras, Ione Sobral, fez questão de falar que está ansiosa de ver o plano em prática.

“Assim que for possível iremos lançar o edital na busca de uma empresa qualificada para fazer mais rápido o possível a elaboração desse plano.

Tenho ciência que precisamos agir de imediato nas comunidades que não tem saneamento básico e nem abastecimento de água, serviços que ainda são muito carente na comunidade de Laranjeiras”, pretende.

A gestora afirmou ainda que implementação será muito importante para o futuro de toda a população laranjeirense.

“Quero que ele entre em vigor ainda em 2012, mas também quero deixar tudo organizado para que o próximo gestor tenha condições de trabalhar tranquilamente para as melhorias que venham ser implementadas no município.

A pretensão principal é que Laranjeiras seja reconhecida pelas suas riquezas históricas e também pela qualidade de vida de toda a população”, espera Ione Sobral.

Agência Trabalhista de Notícias (LL) com informações do Portal Faxaju