Prefeita Magda Mofatto entrega escrituras de lotes à comunidade cigana

PTB Notícias 23/03/2007, 12:15


Na noite da última quarta-feira, 22/03, a sede da Associação de Moradores do Conjunto São João foi cenário de importantes realizações sociais na vida das pessoas que integram a Comunidade Cigana no Estado de Goiás.

A prefeita de Caldas Novas, a petebista Magda Mofatto, acompanhada na ocasião de vereadores e auxiliares promoveu entrega de 83 escrituras de lotes, rede de energia elétrica e de uma unidade educacional destinada à alfabetização de adultos.

Presente no evento por ocasião da entrega de rede de energia elétrica, o gerente local da CELG Emerson Avelar enfatizou a importância de parcerias como a da prefeita Magda Mofatto na execução de políticas públicas voltadas para o progresso.

Desde 2005, a prefeita petebista tem se empenhado em prestar toda a assistência necessária à garantia de melhores condições de vida para a população, incluídas nesta pauta as ditas minorias que necessitam de ações afirmativas que resgatem sua cidadania.

É o caso da comunidade cigana, que na administração anterior não recebeu nenhuma assistência por parte do Poder Público e que agora tem contado com uma série de benefícios viabilizados com muito esforço e competência pela prefeita Magda Mofatto e sua equipe de governo.

Foram 83 habitações totalmente escrituradas pela Prefeitura Municipal, em parceria com o proprietário da empresa Chocolate Caseiro, Ari Shimitz, numa integração que beneficiou diretamente a Comunidade Cigana.

A Prefeitura fez a mediação nas negociações para a conclusão das casas populares, custeando também a finalização da obra de construção das residências à base de alvenaria.

Alvo de muitos preconceitos sofridos no decorrer da história, a Comunidade Cigana foi contemplada com o rompimento das amarras da discriminação, graças à sensibilidade de uma gestora que se preocupa em democratizar o acesso aos bens indispensáveis à qualidade de vida: saúde, moradia, educação e infra-estrutura.

Trata-se de um verdadeiro marco na história dos ciganos que residem em Caldas Novas, numa demonstração de que a Prefeitura tem sido atuante na busca de soluções para os problemas enfrentados principalmente pelos mais carentes.

Emocionada, a prefeita Magda Mofatto enfatizou em seu discurso a importância deste passo decisivo rumo à inclusão social e redução das desigualdades: o eixo moradia – infra-estrutura e educação compõe a gama de metas que tem sido atingidas pela atual Administração Municipal.

Segundo ela, os ciganos possuem costumes sociais e valores típicos, razão pela qual o Poder Executivo Municipal se solidarizou com os problemas enfrentados por essa comunidade, que até o início de sua Gestão não contava sequer com as condições mínimas de convivência social.

Inclusive, ela recebeu recentemente elogios do Governo Federal, que através da Secretaria de Combate à Discriminação Racial considerou Caldas Novas um dos principais exemplos de respeito aos direitos humanos.

Trata-se da primeira cidade que edifica um assentamento em respeito aos usos e costumes de comunidades segregadas, que necessitam do apoio governamental.

Outra ação relevante foi a entrega da Escola Municipal Sidinei Amadolino Valadares, assim denominada em homenagem a um cigano já falecido que muito contribuiu com as causas da comunidade, além da implantação de energia elétrica no local, que lança essa parcela da sociedade no páreo do futuro e da cidadania.

A prefeita aproveitou para salientar o apoio do presidente Luís Inácio Lula da Silva à essas políticas que convergem para o desenvolvimento social e econômico.

Em encontro com o presidente na cidade de Anápolis – GO, na última terça-feira, 20, a prefeita encaminhou ofício solicitando que Caldas Novas seja inserida no PAC – Programa de Aceleração do Crescimento, o que envolve destinação de verbas para saneamento básico e infra-estrutura em 100% das residências existentes em Caldas Novas.

Ela mencionou a intenção de o Governo Federal em municipalizar o repasse de recursos para as cidades, de forma a reduzir as burocracias que impedem os prefeitos de terem acesso ao dinheiro federal para a realização de obras e serviços públicos.

Visando investir em política de regularização das moradias, a prefeita instituiu no início deste ano a Secretaria de Habitação, coordenada pelo secretário Salvador Araújo, cuja experiência bancária contribui para dar maior agilidade no processo de liberação de verbas para a implementação do Projeto “João-de-Barro” e de outras iniciativas que resgatam a dignidade dos moradores.

De maneira gradativa, a Prefeitura contando com a parceria da sociedade organizada e da Câmara de Vereadores vai atuando neste processo de distribuição de oportunidades para as pessoas, construindo assim uma Caldas Novas cada vez mais justa.

Para o presidente do Bairro, Aparecido Cordeiro, ao contrário da antiga administração a gestão da prefeita Magda Mofatto representa um divisor de águas no reconhecimento ao mérito da população cigana e de todos aqueles que necessitam do amparo público.

Segundo o líder comunitário, Magda Mofatto é a prefeita que mais tem feito pela população.

Antes, os ciganos viviam uma realidade precária de promessas vazias por parte da antiga gestão.

Agora, com a força da prefeita Magda Mofatto aquilo que era sonho torna-se concreto na vida das pessoas, no cumprimento de compromisso assumido não em época de campanha, mas depois que assumiu o mandato à frente da Prefeitura Municipal, o que também demonstra a honestidade e seriedade dessa administradora que vem revolucionando Caldas Novas com mais moradia, infra-estrutura e educação.

fonte: site da Prefeitura Municipal de Caldas Novas (GO)