Prefeita Nice e comitiva de Jales se reúnem com ministro Moreira Franco

PTB Notícias 27/05/2014, 17:25


O ministro-chefe da Secretaria de Aviação Civil da Presidência da República, Wellington Moreira Franco, recebeu na quinta-feira (21/5/2014) a comitiva jalesense que foi a Brasília pleitear um aeroporto regional para o município de Jales (SP).

A prefeita Eunice Mistilides Silva – Nice (PTB) e um grupo de mais oito pessoas participaram da reunião na capital federal.

Além de Nice, o vice-prefeito Pedro Callado, o representante do presidente da Câmara Municipal, vereador Jesus Martins Batista, o vereador Nivaldo Batista de Oliveira – Tiquinho, o gerente administrativo do Hospital de Câncer de Barretos – Unidade Jales, Roger Mauro Dib, o presidente da Associação Comercial e Industrial de Jales, Carlos Roberto Altimari, o representante da Diocese de Jales, Aparecido Barbosa de Lima, e a assessora de imprensa da secretaria de Comunicação da Prefeitura, Giovanna Simioli, participaram do encontro agendado pelo deputado federal Edinho Araújo (PMDB-SP), que também participou da reunião.

O ministro Moreira Franco defendeu a construção do aeroporto em Jales, por ser um importante centro regional, localizado próximo à divisa tríplice dos estados de São Paulo, Mato Grosso do Sul e Minas Gerais e ser a cidade mãe de uma região cuja população supera 200 mil habitantes, sendo inclusive o centro médico dessa região.

Pelo fato de Jales já possuir um aeroporto que não pode ser ampliado, por estar localizado em seu perímetro urbano, numa área dentro da cidade, o ,inistro sugeriu que seja adquirido um terreno para a construção do novo terminal, prevendo futura demanda.

“Eu entendo a necessidade de Jales ter um aeroporto que atenda a demanda da região, já que os aeroportos têm, hoje, o papel que já teve a ferrovia no passado e o porto atualmente.

O avião é o novo meio de transporte da população”, ressaltou.

“Da mesma forma que no passado quem obteve a ferrovia primeiro se desenvolveu, quem contar com um aeroporto em boas condições se desenvolverá mais nas próximas décadas, segundo os estudos realizados pelas áreas econômicas”, frisou.

De acordo com o ministro, o terreno sugerido só pode ser utilizado com a autorização do Departamento de Controle do Espaço Aéreo (DECEA) e do órgão ambiental.

“É o órgão ambiental quem irá definir se é possível a construção de um aeroporto no local definido e aprovado pelo DECEA.

” Após a aprovação do órgão ambiental será possível dar início ao processo de licitação para início das obras.

A prefeita Nice reforçou a importância da construção do novo aeroporto.

“Entre os motivos que nos trazem a buscar um aeroporto regional para Jales é o fato de que pelo menos 10% da soja exportada pelo Brasil para a China passa pela região por ferrovia.

Além disso, vivemos em uma região com muitos empresários e onde está instalada a unidade de Jales do Hospital de Câncer de Barretos.

Queremos descentralizar a demanda de Barretos, que recebe, atualmente, mil pacientes por dia de São Paulo e outros estados.

“Agência Trabalhista de Notícias (FM), com informações da Prefeitura de JalesFoto: Divulgação