Prefeito Aidan Ravin alugará outro prédio para abrigar servidores públicos

PTB Notícias 6/07/2009, 7:53


O prefeito de Santo André, Aidan Ravin (PTB), confirmou neste sábado, (04/07), que a unidade do AME (Ambulatório Médico de Especialidades) no município funcionará no atual prédio da Sosp (Secretaria de Obras e Serviços Públicos), situado à avenida Capitão Mário Toledo de Camargo, 3.

300.

O modelo de atendimento hospitalar do governo do Estado funcionará como base para o Poupatempo da Saúde, uma das principais promessas de campanha de petebista.

O governo do Estado pretende inaugurar o equipamento público em março de 2010, porém o prefeito ressaltou que “todos os esforços serão feitos” para inaugurar o Poupatempo da Saúde ainda neste ano.

“Será o nosso objetivo oferecer o serviço até o fim deste ano.

Escolhemos o prédio da Secretaria de Obras porque é recém-construído e tem estrutura para comportar um equipamento tão importante como o AME/Poupatempo da Saúde”, explicou Aidan.

O anúncio no Fórum Regional do Grande ABC Pró-SUS (Sistema Único de Saúde), realizado no Hospital Mário Covas, em Santo André.

Dos sete prefeitos da Região, Aidan foi o único a comparecer ao evento.

Os chefes dos Executivos mandaram representantes.

De acordo com Aidan, a Prefeitura será responsável pela administração do AME/Poupatempo e o predico e o governo Estadual arcará mobília, aparelhagem, materiais e pessoal.

Aidan afirmou que nos próximos meses a Prefeitura deve alugar um imóvel para abrigar a Secretaria de Obras e Serviços Públicos.

O prefeito pretende locar uma área, mas deve construir um novo espaço aos servidores da pasta.

“Não vamos deixar eles (servidores de Serviços e Obras) na mão.

Vamos dar a mesma estrutura que atualmente têm.

A ideia é construir um novo prédio para a secretaria”, informou o chefe do Executivo.

Outra novidade anunciada pelo prefeito Aidan é a implementação do plano de cargo e carreira aos médicos municipais.

De acordo com o chefe do Executivo as remunerações será entre R$ 2 mil a R$ 6 mil ao mês.

Aidan afirmou que a Administração anterior não fez o estudo do plano e que no final deste ano ou o mais tardar no início de 2010 deve ser implementado para todos os servidores públicos.

“Já sabemos que teremos recursos para manter os médicos na cidade.

A readequação de muitos contratos possibilitará o aumento de salários para os médicos.

No segundo semestre, vamos debater com a categoria e implementar o quanto antes”, disse.

O chefe do Executivo ressaltou ainda que o Consórcio Intermunicipal deve debater entre os sete prefeitos a implementação do plano de cargo e carreira nas cidades da Região.

* Agência Trabalhista de Notícias com informações do Jornal ABCD Maior