Prefeito Carlos Rafael garante piso aos professores de Cajazeiras (PB)

PTB Notícias 24/05/2012, 6:53


O prefeito de Cajazeiras (PB), Carlos Rafael (PTB) garantiu em entrevista, no último dia 22/05, que vai pagar o Piso Salarial aos professores de Cajazeiras.

Segundo ele, sua equipe administrativa vem trabalhando diariamente para valorizar o servidor público.

“A maior prova de nosso compromisso são os servidores da Saúde municipal que recebiam R$ 900,00 e agora recebem R$ 1.

900,00 em seus contracheques”, disse.

O prefeito Carlos Rafael disse também que pretende implantar o plano de Cargos e Carreiras para todos os servidores públicos municipais, assim como fez na Saúde.

Concurso PúblicoDe acordo com Carlos Rafael, a Prefeitura de Cajazeiras fez sua parte com relação ao Concurso Público.

Ele afirmou ainda que não vai realizar uma prova de forma irresponsável onde antes do exame acabar já se sabe quem serão os novos funcionários municipais.

“Se for pra fazer, quero valorizar o conhecimento e a competência de quem estuda.

Ninguém vai entrar por ser primo de um vereador ou amigo de um secretário”, finalizou o prefeito.

Durante a entrevista, o prefeito afirmou que se sente muito tranquilo para falar no Partido Democrático Trabalhista (PDT), pois, segundo ele, a sigla não se resume a uma única pessoa, se referindo ao advogado e presidente do partido Júnior Araújo que está no grupo da oposição.

“Não posso ver o partido de forma individual, pois existe toda uma militância.

Não posso fazer nenhuma reclamação, apenas digo que eu jamais voltaria para um lugar onde fui traído e enganado”, disse o prefeito mais uma vez se referindo a Júnior Araújo que voltou para a oposição, depois de ter sido secretário da prefeitura na atual gestão.

Rafael disse ainda que, teve uma reunião com os pré-candidatos a vereadores do PDT e que eles o trataram de uma forma bastante valorosa, dizendo que se fosse preciso, desistiriam de suas candidaturas para apoiar o projeto do jovem prefeito.

“Nem sei se mereço tanto valor, isso me honra muito, vai-se uma legenda, mas fica quem tem moral e respeito”, afirmou o gestor.

Agência Trabalhista de Notícias (LL) com informações do Portal Diário do Sertão