Prefeito de Batatais vai ao lançamento da educação ambiental para crianças

PTB Notícias 24/03/2009, 11:56


Na última semana, o prefeito petebista José Luis Romagnoli (Batatais/SP), acompanhado do secretário municipal de Meio Ambiente, Rafael Costa Freira, esteve em São Paulo participando do lançamento do Programa de Educação Ambiental “Criança Ecológica”.

A cerimônia, que contou com a presença do governador José Serra e do secretário estadual do Meio Ambiente, Francisco Graziano, foi realizada no Parque Villa Lobos.

O objetivo da iniciativa é sensibilizar as crianças entre 8 e 10 anos de todo o Estado e despertar nelas atitudes capazes de contribuir com a melhoria da qualidade de vida e do meio ambiente.

Zé Luis afirmou que Batatais foi convidada por ser uma das cidades escolhidas para sediar a capacitação do Projeto Município Verde no mês de abril.

“Estamos nos integrando nas ações de defesa do meio ambiente do governo do estado e no início de abril vamos receber representantes de 43 municípios da região”, informou o prefeito.

Durante pronunciamento, o governador Serra afirmou que, para o problema ambiental ser enfrentado, a educação é fundamental.

“A população precisa ter consciência da existência desse problema e nada melhor que começar pelas crianças, porque elas são nosso futuro e também porque, a partir de agora, na medida em que vão aprendendo, elas passam a ser fiscalizadoras de suas casas, porque vão compreender o problema desde sua origem”, argumentou.

O que é aquecimento global, desenvolvimento sustentável, bacias hidrográficas, uso racional da água e muitos outros termos ecológicos, presentes no cotidiano, serão mais facilmente assimilados pelas crianças com a participação no novo projeto da Secretaria Estadual do Meio Ambiente.

A primeira área pública a receber um espaço dedicado para o Programa é a Villa Ambiental, localizada no Parque Villa Lobos.

O Parque Ecológico do Guarapiranga, a Fundação Parque Zoológico de São Paulo, o Jardim Botânico e o Pomar Urbano são as outras áreas na capital paulista que vão sediar atividades de educação ambiental até o final 2009.

Serão atendidos por mês 30 mil alunos da rede pública estadual, além do público em geral, aos finais de semana.

O secretário do Meio Ambiente, Francisco Graziano, disse que a Villa Ambiental não se trata de um espaço de visitação, mas sim de uma escola de educação ambiental.

“Mais do que sensibilizar e transmitir conhecimentos, queremos transformar as crianças em agentes de mudanças.

Por meio delas queremos atingir os pais, para fazerem a coleta seletiva de lixo e ter um comportamento ambiental adequado, por exemplo”, disse o secretário do Meio Ambiente.

O secretário de Meio Ambiente de Batatais, Rafael Freira se mostrou bastante satisfeito e interessado pelo novo programa do governo do estado e vai organizar excursões de alunos para os núcleos que serão montados na região.

Agência Trabalhista de Notícias