Prefeito de Belém prestigiou décima edição da Feira da Indústria do Pará

PTB Notícias 20/05/2011, 14:14


Os setores de mineração, siderurgia, madeira, bebidas, alimentos e confecções são alguns dos segmentos da indústria paraense que estão sendo expostos na décima edição da Feira da Indústria do Pará (Fipa), aberta na última quarta-feira (18/05/2011), no Hangar – Centro de Convenções e Feiras da Amazônia.

O prefeito de Belém, Duciomar Costa, esteve presente para prestigiar o crescimento industrial, a diversificação e o fortalecimento da produção paraense.

“A cada ano é possível visualizar um cenário diferenciado e cheio de novidades no setor produtivo do nosso estado” ressaltou o prefeito, que não poupou elogios à décima edição da feira.

“Os expositores capricham cada vez mais, o que estimula a competitividade de mercado e consequentemente o avanço da qualidade, o que engrandece cada vez mais a economia do Pará”, destaca.

Nos últimos sete anos a indústria paraense vem passando por um processo de modernização, importando peças e maquinários e focando na ampliação da diversidade de produtos que conquistam os mercados interno e externo.

“O avanço tecnológico é fundamental, já que o cliente encontra-se cada vez mais exigente, procurando sempre o melhor produto e serviço” enfatiza o prefeito.

De acordo com dados divulgados pelo Centro Internacional de Negócios da Federação das Indústrias do Estado do Pará( CIN-Fiepa), o saldo da balança comercial no Pará cresceu 130%, de janeiro a abril deste ano, comparado com o ano de 2010, atingindo o valor de US$ 4.

416 bilhões.

O minério de ferro bruto e o dendê foram os dois principais itens de exportação que alavancaram as vendas dos produtos paraenses no mercado internacional.

A compra de produtos importados pelo Pará também registrou crescimento neste quadrimestre, o valor importado ficou em US$ 451 milhões, 43% maior que o registrado no mesmo período do ano passado.

Durante a feira o prefeito fez questão de degustar as iguarias da culinária paraense, como o açaí e o tacacá, além de conhecer de perto a variedade de produtos de qualidade fabricados no Pará.

“Pode-se observar a grande disparidade de produtos produzidos em nosso estado, o que mostra que o Pará passa por um momento de modernização, estruturação e de expansão, o que tem que ser aproveitado para geração de emprego e renda”, disseAgência Trabalhista de Notícias (PB), com informações da Prefeitura de Belém