Prefeito de Caxambu critica matéria do jornal Estado de Minas

PTB Notícias 9/05/2007, 11:06


A Prefeitura de Caxambu emitiu, nesta terça-feira, um pronunciamento sobre a matéria veiculada no jornal Estado de Minas do dia 06 de maio, intitulada “Prefeitos da Máfia na Mira da Polícia Federal”.

No texto, o jornalista cita Caxambu como um dos municípios investigados pela Polícia Federal pelo possível envolvimento com a “Máfia dos Sanguessugas”.

De acordo com o petebista Isaac Rozental, prefeito de Caxambu, a notícia é ofensiva e equivocada, uma vez que a licitação realizada para a compra da ambulância da cidade “seguiu o princípio da moralidade, igualdade, publicidade, economicidade e essencialidade, constitucionais e indispensáveis para uma administração transparente e honesta”.

O prefeito esclarece ainda que a a transparência e a honestidade são marcas da atual administração pública municipal da cidade de Caxambu e que todos os processos licitatórios seguem as normas da Lei 8.

666/93.

“Para adquirir a ambulância, comprada com verba doada pelo então Deputado Cabo Júlio, não foi diferente.

A abertura da licitação foi divulgada nos jornais Hoje em Dia, e Minas Gerais, como exige a lei, além de divulgação também na internet”, afirma a nota divulgada.

Leia o texto na íntegra: Exmo.

Sr.

Diante da matéria publicada no Jornal Estado de Minas, do dia 06 de maio de 2007, página 07 do caderno de Política e com chamada na capa principal sobre a “Máfia dos Sanguessugas”, ficamos perplexos pela inclusão da cidade de Caxambu na referida matéria.

Podemos assegurar que a transparência e a honestidade são marcas da atual administração pública municipal da cidade de Caxambu e todos os processos licitatórios seguem as normas da Lei 8.

666/93.

Para adquirir a ambulância, comprada com verba doada pelo então Deputado Cabo Júlio, não foi diferente.

A abertura da licitação foi divulgada nos jornais Hoje em Dia, e Minas Gerais, como exige a lei, além de divulgação também na internet.

Realizada abertura dos envelopes das empresas participantes do Processo 030/2005 e Convite 017/2005 no dia 1º de julho de 2005 cujas vencedoras do certame, que contou com duas modalidades, foram as empresas “D&B Comércio de Veículos e Peças Ltda” CNPJ: 04.

582.

480/0001-05 – Av.

Damião Junqueira de Souza, 1222 – Bairro Nossa Senhora de Fátima, – São Lourenço – MG (vencedora da venda do veículo) e “Vila Rica Veículos Ltda.

” CNPJ: 03.

707.

706/0001-86 – Rua Voluntários Paulista, 755 – Vila Canevari – Cruzeiro – SP (vencedora da montagem da Ambulância).

Informamos, ainda, que a Planan, empresa investigada pela Polícia Federal e citada na matéria do Jornal Estado de Minas, nem sequer participou deste e de nenhum outro processo licitatório promovido pela Prefeitura de Caxambu.

Todos sabem da grande penetração do Jornal Estado de Minas e a credibilidade agregada a este veículo.

Portanto, esta matéria publicada denigre a imagem de nossa cidade e coloca em dúvida a idoneidade do Prefeito deste município.

Demonstramos, frente a esta publicação, toda nossa indignação, inclusive do Exmo.

Prefeito, Isaac Rozental que julga a notícia ofensiva e garante que é equivocada, uma vez que a licitação realizada para a compra da ambulância desta cidade seguiu todo o princípio da moralidade, igualdade, publicidade, economicidade e essencialidade, constitucionais e indispensáveis para uma administração transparente e honesta.

Colocamo-nos à disposição para mais informações e disponibilizamos os documentos da licitação para quaisquer esclarecimentos.

Pedimos que seja publicado este esclarecimento com igual importância dada à matéria que originou este documento.

Nádia Ferreira da SilvaAssessora de Imprensa e DivulgaçãoPrefeitura de CaxambuContato: 35 3341-4538 / 9802-5429imprensacaxambu@gmail.

com