Prefeito de Guaíba firma parceria para garantir funcionamento de hospital

PTB Notícias 17/01/2014, 10:54


O prefeito da cidade gaúcha de Guaíba, o petebista Henrique Tavares, assinou o Termo de Cessão de Uso de Bem Público, que autoriza a Beneficência Portuguesa a realizar a gestão integral do Hospital Municipal.

Pelo documento a prefeitura entrega à Beneficência e ao Estado do Rio Grande do Sul, responsável pelo repasse de recursos, uma maternidade nova.

São 1,7 mil metros quadrados de construção, com 4 salas cirúrgicas, 11 leitos para recuperação, oito quartos, lavanderia, banheiros, refeitório, sala de esterilização e área administrativa .

O município também entregará uma ala de internação clínica com cerca de 30 leitos, obra esta que começa nos próximos dias, a partir de uma parceria com a iniciativa privada.

O projeto transformará a parte administrativa da secretaria municipal da Saúde em unidade hospitalar com custo aproximado de R$ 2 milhões.

A implantação dessa unidade será executada pela Celulose Riograndense, dentro das compensações sociais que a empresa deve fazer, por conta do impacto promovido pela expansão de sua planta.

Técnicos da prefeitura, Beneficência e CMPC já estiveram reunidos analisando o projeto.

.

‘A empresa fará a obra dentro dos padrões do Ministério da Saúde.

Esta parceria foi fundamental para concluir o projeto e entregaremos um hospital municipal totalmente novo’, disse Gustavo Lopes, titular da secretaria de Gestão e Promoção do Investimento.

A Beneficência Portuguesa também assumirá o hospital da Barra do Ribeiro, que atenderá casos de média complexidade.

O planejamento da entidade filantrópica é ter em Guaíba, num futuro breve, um hospital de com 300 leitos, 40 vagas em UTI e cerca de 900 funcionários.

‘ Será um hospital de alta complexidade e nossa expectativa é atender 600 mil pessoas na região’, disse o presidente da Associação Portuguesa de Beneficência, José Antônio Pereira de Souza.

Para a secretária municipal da Saúde o projeto prioritário do prefeito é implantar em Guaíba um hospital regional e já realizamos uma parte importantíssima.

‘ A estrutura que entregamos ao estado e à Beneficência é excelente e a população terá o atendimento qualificado que merece’, destacou Liliana Altamayer.

Até agora todos os recursos empregados no hospital municipal são do executivo.

A ala com 30 leitos está orçada em R$ 2 milhões, incluindo um gerador de energia.

Esta parte deve ficar pronta nos próximos meses, conforme previsão dos técnicos envolvidos no processo.

A cerimônia ocorreu em uma das alas da maternidade e contou com a presença da secretária estadual da Saúde.

Ela explicou que Guaíba garantirá o atendimento para uma vasta região.

‘Será um hospital regional.

O SUS se faz com cooperação, e esse ato é um ótimo exemplo disso’, declarou Sandra Fagundes.

Mais de 100 pessoas, entre autoridades, técnicos do governo e jornalistas acompanharam o ato de assinatura do Termo entre Beneficência e Município.

O prefeito lembrou aos presentes que o local escolhido para a cerimônia é uma sala de recuperação para 10 pacientes e que na mesma ala tem 1 UTI neonatal e outra pediátrica, cada uma com 10 leitos.

‘É importante que vocês vejam o quanto já fizemos, só que o município não tem recurso suficiente para manter um hospital.

Precisamos dos governos estadual e federal e da iniciativa privada’,afirmou Henrique Tavares.

Disse também que Guaíba vai concluir o hospital municipal através de uma compensação social, que o executivo buscou na CMPC.

No primeiro trimestre de 2013 a prefeitura intensificou as negociações com o secretário estadual da Saúde Ciro Simoni e com a Beneficência Portuguesa, paravisabilizar um atendimento 100% SUS.

Henrique Tavares revelou que fica angustiado por não ter hospital na cidade.

‘Sou muito cobrado pela demora, mas eu dependo dos outros e isso demora, infelizmente’, desabafou.

O prefeito finalizou dizendo que está perto de concretizar o projeto mais importante da sua administração.

‘É o início do hospital regional e como médico, esse é um sonho que eu quero realizar’, declarou .

Henrique O deputado federal, Dionilso Marcon(PT) e os deputados estaduais,Adão Villaverde(PT) e Jurandir Maciel(PTB), também se manifestaram sobre a importante parceria firmada em prol da saúde de Guaíba e de toda a Costa Doce.

O presidente da Câmara, Alex Medeiros destacou a participação dos vereadores na aprovação do Termo e enfatizou que a prefeitura encaminhou muito bem o processo, firmando parceria com um hospital qualificado.

O prefeito de Barra do Ribeiro, Luciano Boneberg, participou da cerimônia, da mesma forma que, pela manhã, o prefeito Henrique Tavares prestigiou a assinatura de Termo semelhante no município vizinho.

fonte: site do PTB – RS