Prefeito de Juiz de Fora anuncia implantação de 400 placas em braile

PTB Notícias 24/07/2007, 8:57


Quatrocentas placas de logradouros com inscrição em braile começaram a ser instaladas no município de Juiz de Fora, em Minas Gerais.

O anúncio foi feito pelo prefeito Alberto Bejani (PTB) no fim da primeira quinzena de julho, em entrevista coletiva.

As primeiras 50 placas serão instaladas nas avenidas Rio Branco, entre o Bom Pastor e o Mergulhão, e na Andradas, até as proximidades da Associação dos Cegos.

Esta iniciativa contempla acessibilidade e a inclusão dos portadores de deficiência visual e faz parte do projeto da Agência de Gestão do Transporte e Trânsito (Gettran) de sinalização de ruas em todas as regiões da cidade já em andamento.

As placas em braile foram confeccionadas com o apoio da Associação dos Cegos e serão implantadas em toda a área central e nos principais corredores dos bairros que são pólos das regiões da cidade.

Durante a entrevista, o prefeito lembrou que iniciativa semelhante ocorreu em sua primeira administração entre 1989 e 92.

“Estamos retomando este trabalho de grande importância para a inclusão e acessibilidade dos portadores de deficiência visual.

Todo o cidadão tem o direito a este tipo de informação”, disse o prefeito, ressaltando que o princípio de todos os projetos desta administração é a valorização e o respeito a todos os cidadãos.

A chefe do Departamento de Promoção à Pessoa Portadora de Deficiência, Thaís Altomar, ressaltou que o projeto é um grande avanço para a cidade por garantir autonomia aos portadores de deficiência visual.

“Somente no cadastramento do órgão relativo ao passe-livre temos cerca de mil pessoas que serão beneficiadas com este trabalho”, disse Thaís.

O secretário de Política Social, Rogério Ghedin destacou que este é mais um passo da administração para inclusão social.

Também presentes à coletiva, o presidente da Associação dos Cegos, Lucas Chaves, e a coordenadora do Instituto Buno Vianna, Maria do Carmo Vianna, elogiaram o projeto da Prefeitura que representa um avanço para as pessoas assistidas pelas entidades.

De acordo com o superintendente da Gettran, Ronaldo Toledo, as 400 placas em braile fazem parte do projeto de logradouros iniciado pela agência no início deste ano.

O projeto prevê, além da sinalização em braile, a implantação de 16 mil placas de logradouros e 800 conjuntos de interseção.

Destas, já foram instalados 1.

400 do primeiro modelo e 500 conjuntos em todas as regiões da cidade.

Agência Trabalhista de Notícias (com informações da Prefeitura de Juiz de Fora)