Prefeito de Paraty inaugura obra que levará luz à Praia do Sono

PTB Notícias 8/06/2009, 8:21


O governador do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral, e o secretário estadual de Desenvolvimento Econômico, Energia, Indústria e Serviços, Julio Bueno, participaram no dia 5 de junho (sexta-feira), da inauguração da obra que vai levar energia a 114 famílias que residem na Praia do Sono, em Paraty.

A iniciativa surgiu da parceria entre os governos Federal e Estadual, Eletrobrás e Ampla, pelo programa Luz para Todos, para fazer do Rio de Janeiro o primeiro estado brasileiro a universalizar a energia em 2010.

O investimento no projeto é de R$ 1,5 milhão e tem prazo para ser concluído até o fim deste ano.

No evento, estiveram presentes ainda o prefeito de Paraty, José Carlos Porto Neto (PTB), e o presidente da Ampla, Cristián Fierro.

O difícil acesso à praia (mais de uma hora de caminhada por uma trilha) e a preocupação com o meio ambiente no entorno foram os motivos que levaram à demora para a chegada da energia no local.

Atendendo aos requisitos para o licenciamento ambiental, os fios que passarão pela mata serão isolados para evitar o escoamento de corrente elétrica para a terra – o que pode prejudicar as árvores – e acidentes com animais.

A rede terá nove quilômetros de extensão, saindo da comunidade vizinha, Laranjeiras, para a Praia do Sono, com 142 postes e 11 transformadores.

A universalização de energia no Estado do Rio de Janeiro está em 99,5% e no Brasil, em 94,5%.

Com o ponto de luz que atenderá as famílias da Praia do Sono, restarão cerca de três mil atendimentos às residências, para chegar às seis mil instalações em todo interior fluminense, pelo programa Luz para Todos.

Com investimento dividido entre Ampla (com 70%, sendo 55% por meio de financiamento pela Eletrobrás), Governo do Estado e Eletrobrás (com participação de 15% para cada um), a meta é cumprir os atendimentos até dezembro de 2010.

O programa é coordenado pelo Ministério de Minas e Energia, do Governo Federal, e tem como objetivo levar energia elétrica à população do meio rural, com a ligação da rede elétrica gratuita para os moradores.

Implantado em 2000, o Luz para Todos – então nomeado Luz no Campo – já levou energia para mais de 35 mil residências do interior fluminense.

* Agência Trabalhista de Notícias com informações do Portal Fator Brasil