Prefeito Tupã assina acordo que investirá R$ 200 mil em ações culturais

PTB Notícias 29/06/2011, 16:56


Administrada por Milton Carlos de Mello “Tupã”, do PTB de São Paulo, a prefeitura de Presidente Prudente (SP), por meio da Secretaria Municipal de Cultura e Turismo (Secult), promoveu nesta quarta-feira (29/06/2011) a cerimônia para assinatura do Primeiro Edital de Chamamento Público para Seleção de Projetos Culturais 2011.

O edital, que contempla o Programa GiraArte – Circulações de Teatro, Dança, Música, Artes Visuais e Literatura, investirá R$ 200 mil na contratação de diversas produções culturais, que irão contemplar os bairros mais distantes e espaços alternativos da cidade.

Na solenidade, o prefeito petebista assinou o edital que autoriza a seleção das produções.

Também foi assinado o Decreto n° 21.

929/2011, que regulamenta o descarte de material bibliográfico para doação ou reciclagem.

“Queremos fomentar a cultura em Prudente, além de dar condições para que os artistas possam colocar em prática o trabalho”, afirmou Tupã, que, de acordo com ele, a intenção é que o edital dê oportunidade para que a cultura chegue aos bairros mais distantes.

No evento, Tupã nomeou a comissão que ficará responsável por selecionar os projetos culturais.

Segundo o prefeito, o recurso deve contemplar os artistas da cidade.

“Com a proposta vamos solucionar duas questões, que são a descentralização da cultura e a remuneração da classe artística.

“Tupã destacou ainda que apesar de Presidente Prudente possuir o Centro Cultural Matarazzo, referência como maior centro cultural, ele reconheceu a dificuldade que a população tem para se deslocar até o local.

“Se a pessoa não poder vir até o Matarazzo, vamos levar a cultura até a pessoa.

” O petebista comentou que através do edital a administração irá resgatar a cultural nos bairros, que é bastante relacionada à educação.

“A cultura, a educação e o esporte são os carros chefes do país, por isso, procuramos captar recursos que contemplem todas as áreas”, acrescentou.

O secretário de Cultura e Turismo, Fábio Nougueira, salientou que o objetivo do programa é financiar as ideias das classes artísticas.

Segundo ele, o edital é uma determinação do prefeito Tupã que colocará a disposição dos grupos o valor de R$ 200 mil.

A cerimônia de assinatura do edital contou com a presença do vice-prefeito Marcos Vinha (PT) que ressaltou que a iniciativa consiste em mais um passo para avançar no setor cultural.

Para o presidente do Conselho Municipal de Cultura (Comuc) e responsável pela Associação Prudentina de Escritores (APE), o escritor e professor Carlos Francisco Freixo, o edital vem de encontro com os anseios da classe artística.

O investimento, segundo ele, atende a expectativa dos grupos culturais, que podem se organizar e ter uma melhor estrutura de trabalho.

“O recurso fornecido pelo prefeito Tupã servirá de apoio, além de fornecer uma segurança para que os artistas possam atender a comunidade”, salientou.

Agência Trabalhista de Notícias (FM), com informações da Prefeitura de Presidente Prudente (SP)