Prefeito vai a São Paulo tentar manter o Posto Fiscal de Batatais

PTB Notícias 13/06/2007, 10:18


O prefeito de Batatais, José Luis Romagnoli (PTB/SP), vai nesta quarta-feira (13/06) a São Paulo para demonstrar a revolta e o descontentamento da população batataense com a notícia do fechamento do Posto Fiscal do município.

“Batatais não pode arcar com este prejuízo e, se depender do meu trabalho, isso não vai ocorrer”, afirmou o prefeito.

Segundo informou o chefe do executivo, o fechamento foi determinado por uma portaria da coordenadoria da Secretaria da Fazenda e que pode ser revista.

“Pedimos para os deputados que tiveram votação expressiva em Batatais para nos auxiliar nesse trabalho.

No ofício que encaminhamos ressaltamos que tal atitude por parte do Coordenador Tributário trará irreparáveis perdas para o nosso município, bem como para todas as cidades que são vinculadas ao Posto Fiscal.

Os prejuízos abrangem todos os contribuintes do ICMS, que após a extinção, terão que se deslocarem até Ribeirão Preto para resolver seus problemas envolvendo o fisco estadual, elevando assim os seus custos.

A classe dos contabilistas é outra que sofrerá prejuízo, uma vez que, para atender e desempenhar seu trabalho, também terá que ir a Ribeirão Preto, ocasionando perda de tempo e custos adicionais que inevitavelmente serão repassados aos contribuintes”, informou.

Zé Luis ressaltou ainda que os funcionários do posto também serão prejudicados, pois terão que viajar todos os dias para trabalhar.

“O povo de nossa cidade, nas últimas eleições, apoiou maciçamente os candidatos tanto a governador quanto a deputado, e agora, sequer fomos consultados sobre o fechamento da referida unidade”, frisou o petebista.

Agência Trabalhista de Notícias