Prefeitura de Belém esclarece sobre doenças sexualmente transmissíveis

PTB Notícias 20/07/2009, 7:39


A Prefeitura de Belém, administrada pelo petebista Duciomar Costa, lançou oficialmente neste sábado, 18, através da Secretaria Municipal de Saúde, o programa “Fique Sabendo Belém”, que integra a campanha nacional de mesmo nome, elaborada pelo Ministério da Saúde.

O objetivo do programa é esclarecer a população sobre doenças sexualmente transmissíveis, como AIDS, Hepatites B e C, Sífilis, Herpes Genital, e com isso aumentar a cobertura de diagnósticos oferecidos gratuitamente pela rede pública nos municípios.

A cerimônia de lançamento, realizada na Praça Matriz de Mosqueiro, contou com a presença do secretário municipal de Saúde, Antônio Vinagre.

A campanha também tem por meta estimular a adoção de práticas sexuais seguras, incentivar a realização de teste anti-HIV e para sífilis, prevenir a população contra a doenças sexualmente transmissíveis e Aids, diminuir a vulnerabilidade dos jovens à infecção pelo HIV, principalmente em períodos como as férias, e incentivar as mulheres a conversarem sobre sexualidade e preservativos, entre outros aspectos.

“Esse trabalho da Sesma é fundamental não apenas para a saúde publica, mas para prevenção e manutenção da qualidade vida de todas as pessoas, em qualquer idade”, destacou Antônio Vinagre sobre a campanha.

“Com isso, vamos ampliar o leque de informações sobre os usuários do sistema e ter maior controle dos casos registrados, para oferecer o melhor diagnóstico”, disse.

A aids é uma doença que se manifesta após a infecção do organismo pelo Vírus da Imunodeficiência Humana, mais conhecido como HIV (do inglês, Human Immunodeficiency Virus).

A transmissão ocorre por meio do contato com sangue, sêmen, secreção vaginal ou leite materno do portador.

Vale destacar que suor, lágrima, beijo no rosto ou na boca e uso comum de sabonete, toalha, copos ou talheres, entre outros, não permite a transmissão da doença.

Desde 1996, com a distribuição gratuita de medicamentos aos brasileiros que necessitam do tratamento contra Aids, houve um aumento na sobrevida e uma melhora na qualidade de vida dos pacientes portadores do HIV.

Atualmente, de acordo o Ministério da Saúde, cerca de 180 mil pessoas recebem tratamento garantido pelo Ministério da Saúde e medicação distribuída gratuitamente na rede pública.

O coordenador municipal de combate à DST/AIDS, Benedito Hélio, lembra que o lançamento da campanha “Fique Sabendo Belém” faz parte do cronograma da Operação Verão, que a Prefeitura Municipal de Belém desenvolve desde o inicio do mês de julho por meio de uma ação integrada entre várias secretarias, como a Sesma.

“Todas as frentes de atuação dessa campanha destinam-se a instruir e educar a população sobre as DSTs.

Vamos orientar a população para que as pessoas tenham consciência dos riscos que correm caso não tomem os cuidados necessários”, afirmou.

Durante toda a manhã deste sábado, na Praça Matriz de mosqueiro, técnicos da Sesma distribuíram material educativo, preservativos masculinos e femininos, além de conversar e instruir pessoas sobre a importância do uso desses artigos.

* Agência Trabalhista de Notícias com informações da Prefeitura de Belém