Prefeitura de Lorena promove Programa Minha Casa, Minha Vida

PTB Notícias 19/05/2009, 8:38


Buscando acabar com o déficit habitacional de Lorena e construir novas moradias na cidade, a Prefeitura Municipal de Lorena (SP), administrada pelo petebista Paulo Neme, assinou o convênio com a Caixa Econômica Federal (CEF).

Agora o município passa a integrar o Programa de Governo Federal “Minha Casa, Minha Vida”.

O Programa prevê a construção de um milhão de moradias em todo o País, em parceria com os governos municipais e estaduais.

O Programa atende aos cidadãos de duas faixas de renda: até três salários mínimos e de três a 10 salários.

Quem tem renda comprovada familiar de até três salários mínimos e quer se inscrever não pode ter restrições na Receita Federal e na Caixa; não pode ter sido beneficiado em outros programas habitacionais do Governo e nem ser proprietário de imóvel.

Os inscritos não podem ter pessoas da família que morem na mesma casa, inscritas no programa.

Exceto filhos casados.

O interessado que estiver dentro das regras deve ter os seguintes documentos: CPF, RG; comprovante de endereço de Lorena, três últimos holerites; certidão de nascimento (solteiro); se for casado, certidões de casamento e nascimento do casal.

A prestação da casa será de 10% da renda familiar.

A seleção dos interessados será feita pela Prefeitura de Lorena e a entrega das senhas será nos dias 25,26 e 27 de maio, das 9h às 17h, no Espaço Cultural, ao lado da Estação, na Praça Marechal Malett, s / nº.

Já quem ganha de três a 10 salários mínimos pode procurar a agência da Caixa Econômica Federal, na rua Dr.

Rodrigues de Azevedo, 198 – Centro de Lorena.

A Prefeitura deverá também selecionar a área onde serão construídas as casas de 35 metros quadrados; apresentar projetos com terrenos disponíveis que atendam as necessidades de moradia e infra-estrutura básica.

“Vamos fazer um estudo para poder definir o local das novas moradias e também atender os mais necessitados que obedeçam aos critérios”, explica o Prefeito de Lorena, Paulo Neme.

O Prefeito disse ainda que o “Minha Casa, Minha Vida” é um segundo programa de construção de casas em Lorena, além da construção das 80 casas para a população ribeirinha de risco.

O prefeito ressaltou ainda que a população de três a 10 salários mínimos deve procurar a agência da Caixa Econômica para ter condições especiais de financiamento.

“A cidade de Lorena sempre é parceira da Caixa Econômica Federal”, disse o gerente regional da CEF, Luiz Carlos Fraga.

O Secretário de Desenvolvimento Econômico e Turismo, Luis Gustavo Rodrigues, acredita que com o “Programa Minha Casa, Minha Vida”, a construção civil terá um grande aumento nos postos de trabalho.

“Essas obras vão gerar mais empregos que melhorarão as vendas no comércio e consequentemente criarão novos empregos”, concluiu.

* Agência Trabalhista de Notícias com informações da Prefeitura de Lorena