Prefeitura de Santo André investe R$ 4,6 milhões em rede de fibra ótica

PTB Notícias 5/02/2011, 9:58


Em processo constante de modernização, a Prefeitura de Santo André (SP), administrada por Aidan Ravin (PTB), aposta em tecnologia com investimento em uma Infovia Digital.

Trata-se de uma rede de fibra ótica, meio de comunicação com alta capacidade de transmissão de informações digitais como voz, dados e imagens.

Pelo projeto, estão previstos 216 quilômetros de extensão até 2011.

Para a primeira e a segunda fase, já licitadas, os recursos somam R$ 4,6 milhões.

O objetivo é interligar os diversos prédios públicos da prefeitura com o provedor de comunicação de dados, que fica no prédio do Executivo, no Paço Municipal.

Na primeira etapa, foi feita a parte de infraestrutura, por meio da instalação de anel óptico com velocidade de até 10GB, o qual permitirá agilidade e eficácia na transmissão de dados, imagens, monitoramento de sistemas operacionais, além da implantação da VoiP (transmissão de voz pela Internet).

As informações que ficavam centralizadas em apenas um computador passaram a operar com várias localidades de forma integrada e em rede, proporcionando agilidade e confiabilidade na transmissão das informações por meio de equipamentos que estão alinhados com o que há de mais moderno em nível mundial.

A conectividade, que em 2008 era de 34 endereços, passou para 71 na primeira fase, e atingirá 144 na segunda.

Com o sistema de comunicação via fibra ótica aliada a outros meios de transmissão, Paranapiacaba, vila histórica de Santo André, passou a ter acesso à Internet.

Para o secretário de Administração e Modernização, Milton Barreiro, a implementação da Infovia comprova a capacidade dos recursos humanos que compõem o quadro da prefeitura.

“É importante salientar que esse projeto foi concebido com inteligência própria, sem a necessidade de contratação de empresas especializadas, o que deixa claro o quanto temos de talento.

Além disso, o foco principal da administração é a melhoria contínua nos serviços prestados aos munícipes.

Essa modernização nos equipamentos e sistemas de informática contribuirá de forma efetiva para o alcance desse objetivo”A segunda fase, que esta em andamento, será direcionada à área da Educação, com conexão, via VoiP, nas 75 escolas do município.

As unidades de ensino passarão a ter acesso ao sistema de gestão da Educação, Internet e rede para monitoramento de segurança.

EconomiaA tecnologia VoiP permite a comunicação direta por ramais entre órgãos municipais dentro de uma rede rápida e segura, o que reduz os gastos com pulsos telefônicos e assinatura mensal de linhas.

Dessa forma, as despesas da área da Educação, que alcançam R$ 1 milhão por ano com telefonia, poderão ser reduzidas em 60%, passando para R$ 600 mil, de acordo com a diretora de Informática da Secretária de Administração e Modernização, Maria Augusta Bezerra da Silva.

Outro ponto de economia ocorrerá com a redução de links de Internet contratados especificamente para cada localidade.

Neste novo cenário, esses custos serão eliminados com a otimização e o compartilhamento da rede.

VantagensEntre as vantagens proporcionadas pela instalação da Infovia nas escolas estão: melhoria do planejamento para atendimento da demanda, por meio de sistemas informatizados; eficiência na área acadêmica, com possibilidade de acesso à Internet, implantação de sistemas educacionais online para os alunos nas diversas disciplinas da grade curricular; controle dos processos e segurança escolar, através da implementação de sistemas de monitoramento por câmeras; censo escolar online; comunicação em tempo real com o datacenter da prefeitura; ampliação do monitoramento das vias públicas e prédios do município.

InovaçõesA investida em tecnologia abrange diversas ações, entre as quais reforma do datacenter (centro de armazenamento e processamento de dados), localizado no prédio do Executivo.

Houve a virtualização (processo de executar vários sistemas operacionais em um único equipamento) dos 47 servidores antigos que atendem as secretarias.

Os novos equipamentos, alocados no datacenter, permitem maior desempenho e segurança dos dados, além de melhorar a estabilidade dos sistemas informatizados para os usuários internos e cidadãos andreenses.

* Agência Trabalhista de Notícias com informações do Portal Bagarai SP