Presidente do Diretório do Rio lança concurso de filiação

PTB Notícias 1/09/2007, 18:44


A Presidente Nacional do PTB Mulher e do Diretório Estadual do PTB no Rio de Janeiro, Cristiane Brasil, ao abrir o úlimo painel do encontro Mais PTB, realizado na Câmara Municipal, fez um discurso sobre as prioridades perante as quais o partido precisa se engajar nos próximos meses, e lançou um desafio imediato aos presidentes dos diretórios municipais do Rio de Janeiro: conquistar o maior número possível de filiados ao PTB para concorrer às próximas eleições de 2008.

Em seu discurso, Cristiane lembrou que o partido pretende encerrar a campanha de filiações no próximo dia 15 de setembro, e anunciou a realização de um concurso no Diretório Estadual.

Segundo Cristiane, o diretório municipal que proporcionalmente conseguir agregar ao partido o maior número de filiados, ganhará como prêmio uma televisão e três aparelhos de DVD, que poderão ser sorteados entre os integrantes do diretório.

Cristiane Brasil também falou sobre os desafios que o partido enfrentará, e fez um emocionado desabafo a respeito de seu sofrimento ante a perseguição sofrida pelo Presidente Nacional do PTB, Roberto Jefferson.

Cristiane abordou ainda em seu pronunciamento as novas diretrizes para o PTB Mulher Nacional.

Leia abaixo, na íntegra, o discurso feito pela Presidente do Diretório Estadual do PTB no Rio de Janeiro, a vereadora carioca Cristiane Brasil:”Queridos amigos e amigas petebistas,é com muita alegria que saúdo a todos os que participaram aqui do nosso evento Mais PTB.

Fico especialmente contente em constatar que estamos formando uma nova família, pois muitos novos companheiros estão chegando, e a nossa expectativa é que essas pessoas cheguem com o coração aberto.

Como o nosso companheiro Rodolfo já disse neste sábado, nós do PTB fazemos a política com amor, então venham com o coração aberto, estamos iguais ao Cristo Redentor, de braços abertos pra recebê-los.

Sobre as nossas próximas prioridades, fiz algumas anotações que gostaria de passar pra vocês.

1.

Quais são as nossas prioridades imediatas?Estamos ainda em um processo de montagem das comissões provisórias municipais, mas posso adiantar que estamos hoje com cerca de 60 diretórios já prontos, e outros estão já em fase de finalização, entrega de documentação, etc.

Enfim, esse foi um processo que fizemos no tempo recorde de três meses, por isso parabenizo as pessoas do partido, em especial a uma pessoa que é indispensável nesse momento e que esteve comigo em todos os momentos de alegria e também nos de tristeza.

Essa pessoa sofreu na carne todo esse processo de crise deflagrado pela denúncia do meu pai e que hoje é uma das grandes lideranças e um expoente dentro do partido, que é o meu cunhado Marcus Vinicius.

A nossa segunda prioridade é a de filiar o maior número de pessoas no partido, mas lembrando que queremos qualidade e não apenas quantidade.

Nós queremos principalmente aquelas pessoas que possuam o desejo de se tornar candidatos pelo PTB.

Para isso, coloquei como prazo final o dia 15 de setembro, pra que possamos organizar os disquetes que serão ernviados ao TRE com os filiados e os novos membros do PTB.

Queremos toda a atenção dos presidentes dos diretórios pra que possam checar a chegada dos novos filiados.

O que nós queremos com essa antecipação é evitar casos recentes, como os de pessoas que concorreram às eleições e que ao chegar para votar na urna, não encontraram sua foto, além de não constar que eram filiadas ao PTB.

Isso nunca mais pode acontecer, nem em âmbito estadual nem em âmbito municipal.

Nada disso vai aplacar a dor e o sofrimento de um candidato que chega às urnas e não encontra a sua foto nas urnas.

Gostaria de anunciar aqui também o nosso concurso para o dia nacional de filiações.

O Diretório do Rio que filiar o maior número de petebistas, e ainda trouxer a nominata com o maior número proporcional de pré-candidatos, incluindo a cota de 30% de mulheres, ganhará uma televisão e mais 03 DVDs para sortear entre os membros da provisória.

Também teremos um concurso de filiações no PTB Mulher.

O município com o movimento organizado que obtiver o maior número de filiações proporcionais de mulheres também receberá 03 DVDs para sortear entre os membros.

Com relação à nossa estratégia para filiar pré-candidatos, a gente sabe que cada município possui uma realidade local, mas a experiência nos faz constatar que grande parte das pessoas está enfrentando problemas em encontrar candidatos às urnas.

A história recente da política brasileira aumenta a dificuldade e a vontade das pessoas de entrar na vida política.

Precisamos vencer esse momento de dificuldade.

Os candidatos antigos preferem ir para partidos onde haja candidatos a prefeito com boa colocação em pesquisas, ou desanimaram devido aos altos custos das campanhas e a outras causas.

Mas esses, por seu potencial eleitoral, não podem ser esquecidos, devendo ser estimulados a participar apesar das dificuldades.

Há também o fenômeno do candidato profissional, que utiliza o momento pré-eleitoral para conseguir nomeações em troca de votos.

Já os candidatos novos precisam ser encontrados, informados e preparados.

Temos uma vantagem histórica, que é a própria postura do nosso partido durante os seus 62 anos de vida.

As nossas conquistas na área trabalhista são um legado que não podemos desprezar.

Nós somos vendedores de sonhos, e trabalhamos com amor, por isso temos a obrigação de correr atrás de candidatos novos, e uma saída que temos encontrado aqui no Rio é a de tentar identificar essas novas lideranças.

Temos que preparar esses pré-candidatos, porque muitas das vezes as pessoas vem com altas doses de entusiasmo, mas nem sempre conseguem canalizar isso pra um resultado que vai favorecer o partido.

Nós queremos estar aliados a vocês, queremos em março do ano que vem fazer um grande treinamento completo dos pré-candidatos do partido.

Todos terão o privilégio de fazer um treinamento completo, inclusive com preparação para televisão.

Temos também uma dificuldade que foi levantada aqui pelo Secretario de Trabalho e Renda do governo, que é a questão da sobrevivência de um partido pequeno, que inclusive hoje é um partido de oposição à esfera federal.

Temos na medida do possível que apresentar nomes, e o mais importante, nesse momento sabemos que não teremos um grande número de candidatos a prefeito ou a vice, porque apesar de estarmos buscando agregar novas lideranças ao PTB, é difícil conquistarmos candidatos com amplas condições financeiras para viabilizar uma campanha majoritária.

Portanto, nossa prioridade é formar uma base de nominatas muito forte, para atrair novas e antigas lideranças que irão se transformar em um numeroso quadro de vereadores do PTB.

Esses vereadores comporão as bases onde se constituirão as futuras candidaturas majoritárias em médio e longo prazos.

Um ponto que não foi abordado é o de que hoje nós não estamos com diretórios municipais, mas sim comissões provisórias, e essas comissões tem a validade até dezembro do ano que vem Por que isso? Porque depois desse prazo, até março de 2009, estaremos realizando as convenções para formação dos diretórios municipais, e até dezembro do ano que vem eu quero testar esses novos presidentes das comissões provisórias que estão aqui assumindo um compromisso partidário.

Quando chegar a hora das urnas, não queremos avaliar os diretórios apenas pelos votos que conquistarão, mas principalmente pelo espírito combativo e de luta desses membros dos diretórios, além da lealdade para com os líderes do PTB, assim como a lealdade com os princípios trabalhistas que defendemos há muitos anos.

2.

Qual é o nosso maior desafio?Trabalhar na maioria das vezes sem contar com ajuda financeira, tampouco com o apoio dos Executivos Municipais, Estadual e Federal.

Nós somos propagadores do nosso sonho.

Eu digo a vocês hoje, meus amigos, que embora nós enfrentemos as dificuldades de hoje e amanhã, eu ainda tenho um sonho.

Sonho com um país forte, onde a democracia não mais será ameaçada pelos interesses de um grupo de banqueiros, que escraviza as famílias com falsas propostas de crédito bancário, endividando desde o idoso aposentado ao pobre assalariado.

Sonho com um país justo, onde o dinheiro dos impostos pagos pelos trabalhadores e empresários será usado nas escolas, creches e hospitais, estradas, saneamento básico, e não em propaganda enganosa de um Governo que pouco faz e muito rouba, para sustentar seus famigerados companheiros pelegos.

Sonho com um povo educado, que saiba proteger suas maiores riquezas, que são seus mananciais de água potável, suas florestas tropicais, suas crianças e seus velhos.

Sonho com um PTB poderoso formado por homens e mulheres que trabalharão lado a lado para defender as conquistas do trabalhador, para garantir condições dignas aos aposentados, para preparar as nossas crianças para ganhar o mundo, e preservá-lo para as próximas gerações.

Para ilustrar o que eu estou dizendo, gostaria de apresentar um texto do escritor norte-americano Napoleon Hill:Napoleon HillSe você pensa que é um derrotado, você será derrotadoSe não pensar, quero a qualquer custo, não conseguirá nada.

Mesmo que você queira vencer, mas pensa que não vai conseguir,A vitória não sorrirá para você.

Se você fizer as coisas pela metade você será um fracassadoNós descobrimos neste mundo que o sucesso começa pela intenção da gente, e tudo se determina pelo nosso espíritoSe você pensa que é um fracassado você se torna como tal.

Se você almeja atingir uma posição mais elevadaDeve, antes de obter a vitória dotar-se da convicção de que conseguirá infalivelmente.

A luta pela vida, nem sempre é vantajosa aos fortes, nem aos espertos.

Cedo ou tardeQuem cativa a vitória é aquele que crê plenamente:”Eu conseguirei” 3.

Quem são nossos adversários?Em geral os dirigentes de outros partidos, e também aqueles a quem sucedemos, pois partindo da premissa de que ninguém gosta de perder, principalmente perder poder, a nossa vitória significa a derrota deles.

Ouvi recentemente de um amigo que seu pai sempre lhe dizia o seguinte: “Que Deus me proteja dos amigos, pois dos inimigos me livro eu”.

Não quero voltar ao passado.

Hoje estamos construindo o futuro, mas não se constroem arranha-céus sem alicerces sólidos.

É impossível não reconhecer que o PTB hoje tem uma cara nova.

A começar pela própria incorporação do PAN, que dissolveu todos os diretórios do Brasil.

Do Nacional aos Municipais.

E as últimas eleições nos mostraram com quem poderíamos contar para continuar defendendo os direitos dos trabalhadores, das crianças, dos aposentados, das mulheres e do meio-ambiente.

E foi preciso renunciar àqueles que nos traíram e nos abandonaram.

Pois que não se conhecem os amigos na alegria, mas na tristeza.

Pois que não se conhecem os verdadeiros homens, senão no enfrentamento das adversidades, e no estender das mãos nos momentos de tristeza e dor.

Nosso primeiro grande líder, Getúlio Vargas foi traído e abandonado, e preferiu sair da vida para entrar na história.

Hoje temos um novo líder.

Um homem que enfrentou o atual Governo sozinho, enfrentou a fúria noticiosa da imprensa, e que fez das Câmeras e microfones suas armas contra os que pretendiam acusá-lo por crimes que não cometeu.

Foi julgado politicamente por aqueles a quem acusou.

Um homem que tem o povo a seu lado, e por quem o Partido Trabalhista Brasileiro do Estado do Rio de Janeiro irá lutar em quaisquer circunstâncias.

Roberto Jefferson.

E se ainda hoje, aqui houver, alguém que pretenda estar em posição contrária, nós, petebistas, convidamos a mudarem de partido.

Existem hoje, siglas manifestadamente adversárias aos nossos ideais, que podem servir de porto para as suas vozes.

E que ninguém tenha dúvidas do que estou afirmando: o PTB É ROBERTO JEFFERSON.

O PTB MULHER: breve histórico.

A mulher brasileira votou e foi votada pela primeira vez, em âmbito nacional, no dia 3 de maio de 1933, na eleição para a Assembléia Nacional Constituinte.

Durante o governo de Getúlio Vargas.

Naquela oportunidade, coube à médica paulista Carlota Pereira de Queiroz, voluntária na assistência aos feridos durante a Revolução Constitucionalista, a primazia de sr a primeira deputada eleita.

Bertha Lutz, bióloga e advogada, fez-lhe companhia nessa legislatura, assumindo em 1936 no lugar de um deputado que morreu.

Em 1934, pela primeira vez, uma mulher – Joanna da Rocha Santos (PSD) – seria eleita prefeita por todos os 800 eleitores da cidade de São João dos Patos, no Maranhão.

Enquanto isso, no Sul, a professora Antonietta de Barros, de Santa Catarina,seria a primeira mulher negra eleita deputada no Brasil.

Nas últimas semanas, nós do PTB Mulher estabelecemos diretrizes para o preenchimento das comissões provisórias estaduais e municipais.

Temos a convicção que as mulheres que ascenderem a postos de comando partidários abrirão caminho para que novas lideranças femininas também tenham a mesma possibilidade.

Portanto, solicitei que as novas conformações fossem também compostas por mulheres, e temos verificado uma grande solicitude por parte dos novos presidentes, apesar de percebermos que ainda assim grande parte das escolhidas sequer fazem parte da vida política de seus municípios.

Enfim, gostaria de agradecer a presença de todos.

O PTB chegará nas próximas eleições forte e unido, e conquistará uma importante base de vereadores e prefeitos.

O nosso partido ainda brilhará por muitos anos no cenário da política nacional.