Presidente do PTB destaca benefícios do Aeroporto de Jaguaruna (SC)

PTB Notícias 9/05/2012, 12:02


O Presidente Nacional do Partido Trabalhista Brasileiro, Roberto Jefferson, disse nesta terça-feira (08/05/2012), em uma palestra para cerca de 400 pessoas, que o projeto de instalação do Aeroporto de Jaguaruna trará benefícios e desenvolvimento à população do município e à região Sul de Santa Catarina.

Participaram também do evento, realizado na Câmara de Dirigentes Lojistas de Jaguaruna (CDL), os secretários da Executiva Nacional do PTB Norberto Martins (Primeiro Secretário) e Honésio Ferreira (Comunicação) e o presidente do PTB no Estado, Francisco Cardoso de Camargo Filho, o Cochi.

“Creio nesse projeto que vocês estão levando adiante, que é suprapartidário, é social, é popular, que é o Aeroporto de Jaguaruna”, afirmou Jefferson.

“O projeto é um sucesso, a empreitada vale a pena, vocês estão no caminho correto, e que é um sucesso vocês juntarem as forças da agricultura, da pecuária, do turismo, do comércio, a essas forças que se movem de serviços em favor da sociedade e fortalecimento da economia do sul do Estado.

“Como exemplo de um projeto bem sucedido, o Líder Nacional do PTB comentou com os presentes sobre o aeroporto de Cabo Frio (RJ), cidade balneária assim como a catarinense Jaguaruna.

De acordo com Jefferson, com a instalação do aeroporto em Cabo Frio, se iniciou renovada movimentação turística até que, diz o Presidente, aquele roteiro fosse inscrito nas agências de turismo, “que agora mandam aviões lotados de turistas para Cabo Frio”.

“Isso foi um sucesso, porque permitiu o surgimento de hotéis de porte.

Hotéis que cresceram em função da demanda turística buscada pelo aeroporto.

E o que se agigantou? A cidade foi buscar – e isso é uma coisa que eu quero deixar para a cidade e o povo de Jaguaruna pensar – a carga aérea.

Deu tão certo isso, com o sucesso tamanho, porque nesse momento de globalização, as cargas chegam no aeroporto de Cabo Frio, até do aeroporto do Rio de Janeiro por via rodoviária, para lá serem alfandegadas.

“Roberto Jefferson referiu-se à criação do armazém alfandegário.

Segundo ele, com a expansão do aeroporto, a Receita Federal passou a funcionar no Aeroporto de Cabo Frio.

Jefferson disse que a carga às vezes chega no aeroporto do Rio de Janeiro e devido à enorme quantidade de carga para ser despachada pela Receita no Rio, a mesma é colocada em um caminhão, que bordeia a região dos Lagos, vai a Cabo Frio e é recebida no armazém alfandegário de Cabo Frio.

“Hoje, o armazém alfandegário é a maior fonte de arrecadação de ICMS de Cabo Frio”, contou.

Jefferson ressaltou ainda que o município privatizou o aeroporto porque não conseguia bancar os custos da gestão do aeroporto, e este transformou-se no maior arrecadador de ICMS do município.

O Presidente do PTB destacou ainda que a operação do aeroporto em Cabo Frio “é um absoluto sucesso”, porque não agride o meio ambiente, os salários são elevados, o padrão de vida na cidade subiu e a cidade começou a fazer hospitais, escolas, “tudo novo, em função dos recursos que recebe”.

Agência Trabalhista de Notícias, por Felipe MenezesFoto: Felipe Menezes